Meio Bit » Baú » Internet » Agora vai: Pastor sugere que fiéis destruam seus computadores para combater pornografia

Agora vai: Pastor sugere que fiéis destruam seus computadores para combater pornografia

Resolvido o problema: Pastor lança campanha para acabar com a pornografia online, conclamando fiéis a destruírem seus computadores.

09/07/2013 às 6:10

sfw

Há a explicação evolucionária, de que o instinto de reprodução acompanha a espécie humana desde sua gênese, mas a verdade é que adoramos uma boa sacanagem. Em Pompéia quando não estavam botando pra correr os hippies e suas idéias alarmistas de erupção iminente, o povo estava fornicando. Quando não fornicavam, montavam afrescos nas paredes mostrando gente fornicando.

Até a bíblia tem um capitulo inteiro dedicado à arte da safardanagem, e haja jogo de cintura pra explicar os Cânticos de Salomão.Mesmo assim a Sociedade, quando entra em fase puritana, denuncia todo mundo que se diverte mais do que eles como culpados pelas mazelas do mundo. Como o faz o pastor Jay Dennis.

Ele está promovendo a campanha Join 1 Million Men, que pretende (não ria) livrar a Internet da pornografia (eu falei pra não rir!). O “racional” é que pornografia é um vício e vai destruir sua vida, além de suas meias e seu teclado.

O pastor é tão compreensivo que defende o conceito de que é possível praticar o pecado menor de homenagear Onan, sem utilização de material audiovisual complementar. SIM, ele quer que a galerinha volte a usar a imaginação, como nos velhos tempos. Bíblicos, pois de Gutemberg pra cá nossa imaginação sempre foi complementada, seja pelas virgens de pinturas renascentistas, seja por textos.

Ele clama que todo mundo destrua seu estoque estratégico de material fappatório, o que faria sentido uns 10 anos atrás. Claro, ele defende idéias da Idade do Bronze então complicado explicar o conceito de nuvem, vídeos on demand, XVideos, Redtube e similares.

Por sorte a proposta do Pastor Jay é abrangente, ele sugere que se for necessário você deve não só destruir seu estoque mas, para evitar que volte a consumir pornografia online, destrua seu computador também.

Agora a cereja do bolo: Junto com a campanha para destruir computadores o pastor lançou… uma app de iPhone. Afinal perigosos são os computadores, não um dispositivo pessoal portátil capaz de exibir filmes e fotos, e que dá pra segurar com uma só mão.

relacionados


Comentários