Meio Bit » Arquivos » Internet » A Revolução não será televisionada: Emissoras japonesas se recusam a veicular comercial de SmartTV

A Revolução não será televisionada: Emissoras japonesas se recusam a veicular comercial de SmartTV

Com medo da competição, emissoras de TV do Japão podem estar boicotando aparelhos de TV com acesso à Internet.

08/07/2013 às 14:50

Panasonic-Viera-SmartTV-Features-2013

Um vídeo promocional da IPTV Viera, da Panasonic, foi recusado por diversas emissoras de TV do Japão. A alegação de todas elas é que o comercial pode "confundir a audiência por causa da mistura de TV convencional e Internet". Aham. Ok, televisões com acesso à Internet não são lá uma novidade, mas acontece que a interface deste modelo permite dividir a tela entre canais tradicionais e YouTube, por exemplo.

Obviamente isso deu início a várias especulações sobre a real intenção por trás desta atitude. Para muitos, este é mais um ato das empresas na tentativa de desacelerar a entrada de IPTVs no país. A verdade é que, apesar da reputação de magos da inovação tecnológica, muitos segmentos do Japão freiam a adoção de novas tecnologias para o uso de consumidores em geral. Algumas das empresas são criticadas por não se atualizarem no que tange os bens de consumo desta área.

info-screen

"IPTV, ou Smart TVs, representam uma nova área de serviço, e nós estamos falando da criação de novas regras de transmissão de conteúdo" - afirmou a Panasonic em um pronunciamento. "Nós nos reservamos os direitos de não comentar mais nada a respeito" - completou.

Apesar da tentativa de boicote, o comercial foi publicado em sites de compartilhamento de vídeo, e compartilhado de forma viral (ah, vá!?), o que deu ainda mais visibilidade ao produto. 2013, gente. Em áreas de comentários, muitas pessoas se manifestaram de forma pacífica, mas uma minoria resolveu soltar o verbo.

"Transmissões convencionais já eram, porque eles falharam em se atualizar para acompanhar a demanda!" - disse um dos leitores. "Esqueça isso de TV comum. Nós vivemos no tempo da Internet" - disse outro.

Uma pessoa, identificada apenas como tairaomote, faz referência à árdua competição entre as emissoras e a cultura da Internet no país, dizendo que mesmo empresas asiáticas, como LG e Samsung (que já oferecem tecnologias parecidas), sempre enfrentaram dificuldades para popularizar as vendas de TVs assim no Japão.

Veja abaixo o comercial e tire suas conclusões:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=lgk5ui-nHTk&w=640&h=360]

Fonte: AFP e Phys.org.

Leia mais sobre: , , , , , , .

relacionados


Comentários