Meio Bit » Baú » Games » Segundo CEO da Ubisoft, Rayman Legends não vai vender o suficiente no Wii U

Segundo CEO da Ubisoft, Rayman Legends não vai vender o suficiente no Wii U

Segundo Yves Guillemot, o atraso de Rayman Legends para Wii U e sua conversão para outras plataformas se deu porque ele não venderia tanto quanto gostariam no console da Nintendo

20/06/2013 às 11:30

Rayman Legends

Tem coisas que não dá para entender, e uma delas é a decisão estapafúrdia da Ubisoft em atrasar o lançamento de Rayman Legends para Wii U. Não critico o game ter se tornado multiplataforma, aliás até dei pulos de alegria pois vou poder escolher onde jogar, PS3, Xbox 360 ou PS Vita, mas a falta de visão da empresa francesa é estranha. O game está pronto, se ele fosse lançado em fevereiro conforme agendado, a Nintendo teria sete meses de exclusividade, o que faria do título um must have, alavancaria as vendas do Wii U e renderia muita grana para ambas empresas.

Porém não é essa a opinião de Yves Guillemot, CEO da Ubisoft. Em entrevista ao site Venture Beat, ele disse que o atraso no lançamento e o port para outras plataformas se deu porque "o game não venderia muito no Wii U".

"O game será fantástico, e nós não queremos que os desenvolvedores fiquem numa posição em que após fazer tal game, ele não vendesse bem o suficiente." (...) Nós decidimos que deveríamos lançá-lo em plataformas suficientes para que os jogadores possam experimentá-lo, independente de qual eles possuam, e também dar mais tempo para tanto criar outras versões, quanto melhorar a versão de Wii U."

Para Guillemot, a decisão da empresa "é a mais acertada para os jogadores e para os desenvolvedores". Ele diz que em nome da qualidade ele resolveu atrasar o lançamento, para que Rayman Legends fosse o melhor game quanto fosse possível.

O único problema é que tanto os gamers quanto os devs não concordam com o CEO. O próprio criador de Rayman, Michel Ancel, protestou contra o atraso e não foi ouvido, portanto essa posição não é unanimidade na Ubisoft. O mais provável é que o game se tornou multiplataforma porque o Wii U não está vendendo muito, mas não explica o porque de atrasar o game.

Só que como ela reconhece que fez caca, a empresa lançou o app gratuito Rayman Legends Challenges, meio que aplacar a fúria dos donos de Wii U. O game possui desafios diários e mensais, além das três fases que estavam presentes no demo do jogo:

No fim Guillemot falou, falou e confundiu mais ainda. O game já estava pronto, não havia o que melhorar ou que não pudesse ser adicionado através de uma atualização. Então por quê diabos não lançar ele logo de uma vez para o Wii U e fazer dinheiro?

Fonte: VB via GS.

Leia mais sobre: , , , , , .

relacionados


Comentários