Meio Bit » Baú » Games » Polêmica: demos do Xbox One na E3 estariam rodando em PCs com Windows 7 e placas nVidia

Polêmica: demos do Xbox One na E3 estariam rodando em PCs com Windows 7 e placas nVidia

Microsoft é flagrada usando PCs com Windows 7 e placas nVidia rodando demos do Xbox One durante a E3 2013

18/06/2013 às 11:30

Xbox GTX 700 Series

A Microsoft pode ter seus motivos para não confiar muito no Windows 8 por enquanto, já que o Windows 7 ainda detém a maior fatia do mercado de sistemas operacionais, algo que Redmond pretende mudar com a atualização para o Windows 8.1, cujo preview será lançado na próxima semana.

Entretanto, durante a E3 2013 o que a empresa deveria demonstrar era confiança plena em seu novo console, o Xbox One. Porém não é o ocorreu, segundo declarações de algumas pessoas que estiveram na feira.

Tudo começou com um tweet, em que o repórter veterano do US Gamer Julian Rignall denunciou uma prática meio estranha no estande da Microsoft:

gogoni-busted

Isso é uma acusação grave: a Microsoft estaria usando PCs (por que da HP eu não sei, mas divago) para rodar os demos do Xbox One, e não o console em si. Claro, é uma declaração isolada de um caso apenas, que poderia muito bem ser ou não verdade. A reação a uma acusação sem provas é a natural: pics or didn't happen. Bem, vocês sabem como é a internet nesses casos: num Flash não apenas uma, mas duas fotos apareceram denunciando a gambiarra:

Foto do estande da Microsoft

A foto acima flagra o momento em que um técnico faz alguns ajustes em uma máquina em exposição, e digamos que a Área de Trabalho do Windows 7 está mais do que nítida. Mas há quem diga que poderia ser montagem, afinal não dá para ver o PC em questão, certo? OK, para isso temos a segunda foto:

CPU e teclado, está tudo aí, bem visível

Claro, pode ser um caso isolado, nem todas as máquinas em questão poderiam ser PCs, mas o que anda preocupando as pessoas é que, de acordo com os que fizeram o flagra, os computadores seriam equipados com placas de vídeo nVidia GTX 700 Series, que são sensivelmente mais potentes que a GPU AMD que o Xbox One possui. Não obstante, é estranho essa preferência da Microsoft em rodar os demos no Windows 7 ao invés do 8, cujo SO é base para o sistema do console. Estabilidade talvez?

Eu não gosto desse tipo de estratégia, chega a ser propaganda enganosa. A Microsoft já anda preocupando os jogadores com restrições bizarras, e agora aparece um fato que pode significar que ou o console não está pronto, ou não será tão potente quanto prometeram nos demos. Muito provavelmente a empresa não dirá nada, deixando todo mundo na dúvida até novembro, quando o Xbox One será lançado.

Fonte: The Escapist.

relacionados


Comentários