Meio Bit » Baú » Games » E3 2013 - Conferência da Sony

E3 2013 - Conferência da Sony

Sony revela finalmente a cara do PS4 e uma infinidade de games com diversas vantagens sobre a concorrência (incluindo o preço do console)

11/06/2013 às 1:05

E3-2013

E para fechar o longo dia de conferências, a Sony trouxe as mais esperadas novidades do dia, já que tudo girava em torno de descobrir a cara do PlayStation 4, bem como informações sobre seus features, se seriam similares ou completamente opostos aos pontos negativos do XBox One, e de certa forma a empresa não decepcionou quem ficou acordado. Vamos às novidades:

Jack Tretton abre a conferência falando sobre o PS Vita e o poder do portátil, que está no início de seu ciclo de vida. Além de novos lançamentos agendados para breve, há diversos ports que ele receberá, como Flower, Final Fantasy X / X-2 e The Walking Dead. Além disso ele terá acesso a uma grande quantidade de games do PS2. E só, nem um demo, nem um trailer.

Sobre o PS3, Tretton pincelou os lançamentos mais próximos para o console. O primeiro a dar as caras foi um novo trailer do aguardadíssimo The Last of Us, candidato a melhor jogo do ano fácil:

Na sequência um trailer curtíssimo de Puppeteer:

A Sony continua investindo em games não convencionais, como Rain:

A seguir um novo trailer de Beyond: Two Souls, um dos títulos mais promissores da Quantic Dreams:

A Polyphony traz Gran Turismo 6, para delírio dos fãs da velocidade. O game terá nova engine de física e renderização, além de estar lindo, de encher os olhos;

A Warner exibe o trailer de Batman: Arkham Origins para levar o público à loucura. O game terá dois DLCs de trajes: o clássico da série de TV usado por Adam West, e o tecnológico de Jean-Paul Valley (aka Azrael), quando este assumiu o manto do morcego quando Bane quebrou a espinha de Bruce Wayne.

Para encerrar o assunto PS3, foi anunciado um novo bundle do console com GTA V, que terá ainda um headset exclusivo.

Agora a nova geração. Sem mais delongas, eis a cara do PS4:

gogoni-ps4-001

gogoni-ps4-002

gogoni-ps4-003

Eu não sei vocês, mas não importa como eu olhe, o PS4 é um XBox One torto ou, como disseram no Twitter, "em itálico". 🙂 Até a superfície mezzo fosca/mezzo black piano ele possui. E por mais que digam que seu design já estava definido há tempos, a Sony pagou o preço por não tê-lo mostrado de início e vai passar o resto da geração sendo acusada de ter copiado o visual do XBox One.

Apesar de Kaz Hirai ter prometido que o PS4 seria "all about games", o dinheiro e contratos falam mais alto. Foi dedicado um bom tempo para explicar os serviços de streaming de música e filmes, que o console terá conteúdo exclusivo, que os games serão mais sociais... aquela conversa de sempre.

Mas voltemos aos jogos, agora só da nova geração. o presidente da SCE Worldwide Studios Shuhei Yoshida trouxe o trailer de The Order: 1886, um game com temática Steampunk com criaturas que eu quero muito crer que não sejam zumbis:

Na sequência foi apresentado um combo de teasers, sem gameplay, começando com Killzone: Shadow Fall:

Driveclub...

inFAMOUS: Second Son...

E por fim, Knack:

Yoshida enfim exibiu o tech demo de The Dark Sorcerer, uma amostra da engine da Quantic Dream rodando em tempo real:

Chegou a hora dos indie games, uma força que a Sony está explorando com gosto e que praticamente salvou o PS Vita de um triste destino. O primeiro a ser mostrado é o mais do que esperado Transistor, da Supergiant Games. Apesar de ser o mesmo trailer de antes, é muito bom vê-lo de novo pois o visual é lindo e a trilha sonora é animal. O game é multiplataforma, mas sairá primeiro para o PS4:

A partir daí tivemos mais um combo de indie games, desde alguns que sairiam tranquilamente no PS3 e PS Vita até um remake de OddWorld, além de um port de Don't Starve.

Tetsuya Nomura aparece na tela para falar de, acreditem se quiser, Final Fantasy Versus XIII, quer dizer, Final Fantasy XV, finalmente confirmando que o game foi promovido à cronologia oficial após sete anos de desenvolvimento. E obviamente, sem data prevista de lançamento.

http://www.youtube.com/watch?v=SilkhjKw9Og

Claro que Nomura não perderia a chance de emendar com Kingdom Hearts 3 finalmente, também sem data prevista. Tanto ele quanto FFXV serão lançados para o PS4.

Na sequência a Sony exibe um gameplay amplo de Assassin's Creed IV: Black Flag, compensando que a Ubisoft não mostrou grande coisa em sua própria conferência.

E novamente fazendo mais do que em sua própria apresentação, a Ubisoft mostra um gameplay de Watch Dogs, confirmando que o game está muito bonito e a jogabilidade é bem dinâmica.

A Bethesda exibe o trailer de The Elder Scrolls Online, que será lançado no PS4 na primavera (do hemisfério norte) de 2014.

http://www.youtube.com/watch?v=kFpsmsKZAoE

Por fim é exibido um trailer do novo game da Avalanche Studios, ambientado no mundo de Mad Max:

Para dar uma cutucada na Microsoft, Jack Tretton diz que diferente do XBox One, o PS4 terá suporte total a games usados, não limitará troca ou venda de games, não será "always online" e não realizará checagem de conexão a cada 24 horas, bloqueando seus games caso você esteja sem internet após esse período. Isso claro será posto à prova depois, pois como não acredito em Papai Noel e sempre leio as letras miúdas, não confio em algo que não pode ser tirado a limpo. Mas em todo caso não comemorem: segundo informes, para jogar online no PS4 é obrigatória a assinatura da PS Plus, como já ocorre na XBox Live Gold hoje. Apesar disso assinantes do serviço terão acesso a vantagens exclusivas, como uma versão especial de Driveclub com modos apenas para os assinantes.

Para encerrar é exibido um trailer e um pouco o gameplay da nova IP da Bungie, Destiny, e devo dizer que esse game também é danado de bonito:

E no fim da conferência a Sony tira a luva e dá na cara da Microsoft, ao definir o preço do PS4 por US$ 399, 100 dólares mais barato que o XBox One. Porém não há informações de quanto o console custara aqui ou se será lançado simultaneamente, contrariando o que foi dito na conferência de lançamento do PS3 fabricado no Brasil. A menos que a Sony Brasil venha a público e esclareça esses pontos, fica subentendido que foi tudo conversa mole. O console será lançado lá fora a tempo do Natal.

E isso encerra o primeiro (e único) dia de conferências da E3 2013. Hoje às 11 horas haverá o streaming da Nintendo Direct, e novamente fiquem ligados no Twitter @MeioBitGames para não perder nada!

relacionados


Comentários