Meio Bit » Arquivos » Indústria » Vendas de Windows Phone e iPhone crescem, mas Android ainda lidera mercado

Vendas de Windows Phone e iPhone crescem, mas Android ainda lidera mercado

Mesmo com leve crescimento do Windows Phone e do iOS, o robozinho do Google ainda tem larga vantagem nas vendas.

03/06/2013 às 23:28

Windows-Phone-8-VS-iOS-6-VS-Android-4

Nem Google e nem Android surpreenderam em 2013. Ao menos, não até agora. O iPhone 5 continua com um iOS redondinho, mas com cara de 2007. Alguns fãs do sistema vão dizer: “Mudar pra quê?” - Pra nada, não vou discutir, de verdade.

Do lado do robozinho do Google, um dos topos de linha da Samsung, o Galaxy S4, é bem rápido, com fatores de usabilidade imbatíveis e algumas funções interessantes. Mas, apesar de ter vendido muito bem durante o lançamento, muita gente torce o nariz por causa do acabamento, que peca nos detalhes.

O HTC One acabou sendo a saída de muitos androiders, mas também não atinge o lugar de líder absoluto, ficando abaixo dos aparelhos da concorrente Samsung em vendas. Some a isso tudo o fato de que o próprio Google disse que, mesmo com estes dois fantásticos aparelhos, a linha Nexus de Android puro vai continuar existindo.

E agora parece que os celulares com Windows ganharam um gás, crescendo 1,8% em vendas em comparação ao último trimestre do ano passado. Aparelhos com iOS cresceram 2,3% no mesmo período, contra apenas 1,4% do Android. Em palavras mais simples, o número de ativações de celulares com o robozinho deu uma leve enfraquecida.

Usando como amostragem os números dos EUA, a liderança do mercado ainda é do Android, com 51,7% do total de vendas entre janeiro e abril de 2013. Gadgets com iOS representam 41,1% desta fatia, e o Windows tenta se manter como uma alternativa, agora com 5,6% do market share.

É importante evidenciar que parte deste sutil crescimento nas vendas dos aparelhos da Microsoft vem de antigos usuários dos chamados “feature phone”, telefones que não podem ser considerados smartphones pela falta de vários recursos. E dentre os modelos mais vendidos com este sistema (Windows Phone), o Nokia Lumia ainda está no topo da lista.

Nokia-Lumia-620

Outro dado que surpreende é que, segundo a pesquisa realizada pela Kantar Worldpanel, pessoas entre 25 e 34 anos passaram a se interessar mais pelos Windows Phone. Até então, o grupo que se destacava era o de indivíduos mais velhos, com idade entre 50 e 64 anos.

Eu já cheguei a ficar alguns meses com o Lumia, e ele não é ruim, mas não me agradou a ponto de eu escolher como meu telefone. Uma das coisas que mais incomodaram é que faltam aplicativos que são facilmente encontrados nos concorrentes. Mas para um segundo telefone, pode ser uma saída interessante. Principalmente para usuários de computadores com o Sistema Operacional da Microsoft, pela integração do ecossistema.

E eu continuo não vestindo a camisa de ninguém. Sem essa de fanatismo, de torcer como time de futebol nem nada parecido. Quem vier com o melhor equipamento, mas as melhores inovações tecnológicas, fica com meu suado dinheirinho. Nesta concorrência entre Apple, Google e Microsoft, quem sempre vai ganhar somos nós.

Fonte: KWP.

relacionados


Comentários