Meio Bit » Baú » Indústria » Guitar Hero III. Divirta-se mas compre minha música

Guitar Hero III. Divirta-se mas compre minha música

22/11/2007 às 14:15

Se você tem uma banda e está começando a divulgar seu trabalho, fique de olho no Guitar Hero III. Especialistas analisaram o fluxo de vendas das músicas que fazem parte da nova edição do game e concluiram: entrar para o setlist da brincadeira faz bem para seu negócio. The Stroke, Slipknot e outras bandas viram a venda de faixas de títulos seus aumentarem em faixas superiores a 120% nas semanas após o lançamento.

vendas_GHIII_22112007.jpg

Vale dizer que o aumento nas vendas refere-se à copias digitais e não nos álbuns físicos. É uma tendência tão forte que ouso dizer que estamos diante de uma plataforma...um market place para bandas divulgarem seus trabalhos. Muito diferente da época do lançamento da primeira versão, quando a Activision bateu na porta de vários selos para pedir permissão para incluir as faixas na game.

ghiii_22112007.jpg Agora, ela pode escolher e, até mesmo, capitalizar ao redor de seu set list. Um modelo de negócio interessante poderia ser transformar, por exemplo, o Guitar Hero numa plataforma aberta, para mercados regionais. Guitar Hero - Versão Axé Music...já pensou? Então nem pense.

Saindo um pouco da brincadeira e pensando novamente em tendências de mercado é interessante notar como estamos na era das plataformas. Quer serviço de celular? Aguarde o Android. Propaganda online: vá de Facebook. Divulgação de seu novo Álbum? Guitar Hero.

Até o presente momento não captei nenhuma manifestação das...como chamam mesmo? Ah, Gravadoras.

Fonte: Ars Technica

relacionados


Comentários