Meio Bit » Baú » Demais assuntos » Simples assim: Google não vai mais pagar desenvolvedores Argentinos do Android. E nem são os vilões

Simples assim: Google não vai mais pagar desenvolvedores Argentinos do Android. E nem são os vilões

Péssima notícia para os hermanos. Burocracia governamental faz Google parar de pagar e aceitar aplicações não-gratuitas argentinas no Google Play;

26/05/2013 às 23:17

chuuuuuuuuuuupaaaaaaa

Houve uma época em que o Google cortou um dobrado pra pagar os blogs que usavam o AdSense. O Brasil, pobre mas orgulhoso fazia de tudo para impedir que entrasse dinheiro de fora, provavelmente temos dólares demais.

Regra em cima de regra, chegou a um ponto em que o AdSense pagava em cheque, entregue via courrier internacional. Um cheque de US$ 100,00 custava uns US$ 30,00 para ser entregue. Com o tempo alguém de Brasília se tocou que dinheiro é bom para o país, e afrouxaram as regras.

A Argentina vai pelo mesmo caminho. Para deter a fuga de capital impôs toneladas de exigências burocráticas para movimentação de moeda estrangeira no país, o que é eficaz para impedir a saída mas inviabiliza a entrada de dinheiro.

O Google tentou, mas acabou pedindo a toalha. Em um email para os desenvolvedores do Google Play avisaram que a partir de 27 de junho não aceitarão mais de desenvolvedores argentinos aplicações pagas, ou com vendas in-app, e todas as que não se enquadrarem serão removidas da lojinha.

Dia 27 de julho será feito o último pagamento.

A solução dada pelo Google é que o desenvolvedor argentino crie um perfil novo, vá para um país onde o Google Wallet funcione e crie uma conta por lá. Um dos países sugeridos é o Brasil.

Longe de mim me solidarizar, mas chego a ficar com pena dos hermanos. Se o BRASIL é uma alternativa a pesadelos burocráticos kafkianos bancários, a coisa lá deve estar preta.

Fonte: Celularis.

relacionados


Comentários