Meio Bit » Arquivos » Indústria » BlackBerry respira ar fresco em apresentação mundial

BlackBerry respira ar fresco em apresentação mundial

Thorsten Heins, CEO da BlackBerry, apresentou as novidades da empresa canadense (anteriormente conhecida como RIM) num evento em Orlando.

16/05/2013 às 14:55

Evento BlackBerry Live mostra as novidades da marca

Enquanto acompanhamos a Apple e a Google se digladiarem pela maior fatia do mercado mobile, outras empresas se mexem para também ter seu lugar ao sol.

Thorsten Heins, CEo da Blackberry

A Nokia pediu por ajuda e se associou à Microsoft, mas a BlackBerry, tida como fracassada por diversos analistas, segue seu caminho sozinha, com sua própria plataforma e hardware. Espero que essa iniciativa louvável renda frutos para a empresa. Particularmente, acho importantíssimo que a concorrência continue multilateral, e traga consigo inovação. Isso é essencial no mundo da tecnologia: se ficássemos apenas com o Android e o iOS, logo teríamos estagnação, e por isso torço tanto para a Nokia e também muito pela BlackBerry, pois por não estarem nas maiores fatias do mercado, possuem liberdade para trazer novidades menos óbvias para os usuários.

E foi nesse clima de busca pela diferenciação que Thorsten Heins, CEO da BlackBerry, apresentou as novidades da empresa canadense aqui em Orlando, no BlackBerry Live. Em um evento que mais parecia um espetáculo, Thorsten tentou cativar a plateia com seu entusiasmo, e parece ter pescado muitos peixes. Ele falou bastante sobre o novo sistema operacional, o BleckBerry 10, bem como de seus novos hardwares, o parrudo Z10 e o social Q10, que vem com o famoso e prático teclado.

CEO da empresa apresenta o novo Q5, para mercados emergentes

CEO da empresa apresenta o novo Q5, para mercados emergentes

Em clima de novidade, lançou o Q5, smartphone um pouco mais simples, ideal para mercados emergentes. Levando em consideração que uma parte importante de seu mercado está na América Latina (principalmente em países como Colômbia e Venezuela), essa é uma boa sacada. O Q5 estará disponível para venda no próximo mês em alguns países, mas ainda sem ideia de preço ou países atendidos definidos. Vem em diversas cores e tem uma cara bem descolada e convidativa.

Depois, Thorsten fez entrar no palco um lindo Bentley, onde demonstrou o BB10 rodando em uma interface automotiva. Dentro do carro, uma grande tela permitia navegar por mapas e fazer vídeo conferências, que viram áudio quando o carro começa a rodar. Esse foi um exemplo lindo da versatilidade do BB10, que roda sobre QNX. Com isso, o CEO procurou empolgar os muitos desenvolvedores que ali estavam, mostrando as possibilidades atraentes da plataforma.

Coisas assim mostram a quantidade de pesquisa que está sendo feita para que a empresa (que agora concentra todas as suas marcas sob o nome BlackBerry) mantenha seu espírito de inovação. Isso porque, com a chegada do iOS e, posteriormente, do Android, a BB pode ter perdido terreno, mas não apaga de sua história todos os seus sucessos e conquistas do passado. Seu celular com teclado QWERTY e push mail foi sensação alguns anos atrás, e ajudou a moldar as bases que temos hoje.

BlackBerry Messenger

Um outro grande destaque do evento não tem nada a ver com hardware, e sim com software. Thorsten anunciou com alegria exultante o lançamento do popular BBM para outras plataformas, além da BlackBerry. O BlackBerry Messenger agora estará disponível gratuitamente também para iOS e Android, estreando assim no negócio multiplataforma. Se tivesse tido essa genial ideia alguns meses antes, poderia ter chegado na frente do WhatsApp, e poderia disputar pau a pau com o Messenger do Facebook.

Ainda assim, deve conquistar muita gente. Muitas pessoas escolhiam aparelhos da BlackBerry em lojas de operadoras justamente para ter acesso ao BBM, um dos mais populares sistemas de troca de mensagens do mundo. Ainda não estarão disponíveis para iOS e Android alguns recursos que por enquanto são exclusivos do BBM, como chamada de vídeo e compartilhamento de tela.

Thorsten inclusive mostrou números interessantes sobre o mensageiro: todos os dias, mais de 10 milhões de mensagens são trocadas entre os usuários, e o engajamento é tão grande que boa parte das pessoas costumam checar as mensagens menos de 20 segundos após elas terem chegado.

O CEO da empresa destacou bastante esses dados, e declarou que esse é o melhor app para mensagens do mundo, e que a BlackBerry entende do que está falando nesse quesito. E é bem provável que esteja certo, bastando apenas saber se os usuários de outras plataformas irão corroborar essa afirmação, e sair de seus atuais apps para o BBM.

O lançamento multiplataforma do BBM levou a outro anúncio: visando o contato das marcas com seus admiradores, a empresa canadense mostrou os BBM Channels, canais onde as pessoas poderão acompanhar e se comunicar com suas empresas e pessoas favoritas.

Thorsten Heins, CEO da BlackBerry, e Lewis Hamilton, piloto de Fórmula 1

Thorsten Heins, CEO da BlackBerry, e Lewis Hamilton, piloto de Fórmula 1

O anúncio foi feito em grande estilo (embora eu não ache que o conceito vá pegar). O lançamento traz como um dos principais canais o da Mercedez Benz, e trouxe ao palco um lindo carro de Fórmula 1 da empresa e seu principal piloto, Lewis Hamilton.

Hamilton falou de seu uso hardcore de BBM, e da necessidade de velocidade tanto na informação como na vida. A BlackBerry está investindo pesado para se tornar “cool”, e isso é bem interessante. Ser “cool” não é o grande trunfo da BlackBerry, e por isso Thorsten falou do BES 10.1 e sua tradição em alta segurança de dados. Hoje em dia, segundo ele, não apenas empresas procuram a privacidade de seus arquivos, mas também as pessoas pedem por isso.

As informações contidas em um smartphone são hoje em dia sensíveis não apenas para empresas, mas também para usuários comuns, e a empresa está pensando nisso, com uma plataforma segura. As vantagens do BES se estendem também a dispositivos Android e iOS, e é engraçado ver como estão ignorando completamente o Windows Phone.

No palco, além de COOs, CFOs e diretores de marketing, também passou Alicia Keys, diretora criativa da empresa (modinha começada pela Polaroid e Lady Gaga). Ela salientou que a BB busca inovação, mas que também pretende trabalhar com criatividade. E é por isso que levam projetos como o Keep Moving Experience, onde incentivam artistas em seu trabalho. A cantora também anunciou o BlackBerry Scholars Program, que pretende não apenas ensinar mulheres sobre a carreira em TI, mas também incentivá-las a continuar no mercado e alcançar maiores postos.

A apresentação terminou por aí, mas os dias posteriores ao início da BlackBerry Live estão sendo recheados de apresentações, palestras, workshop e muitos outros paineis para analistas de indústria, desenvolvedores, imprensa e demais interessados na plataforma.

*Stella Dauer viajou a Orlando a convite da BlackBerry.

Leia também:

relacionados


Comentários