Meio Bit » Arquivos » Internet » O ladrão burro morre pela boca — com ajuda do Instagram

O ladrão burro morre pela boca — com ajuda do Instagram

Ladrão de identidades é preso graças a foto de jantar que ele mesmo postou no Instagram

13/05/2013 às 10:15

Minha última versão de "porn food", salmão assado by me

Convenhamos, a brincadeira do "porn food" do Instagram foi legal no começo, mas ela meio que já cansou. Entretanto ela se provou mais útil do que aparenta, já que a ânsia de postar o que se está comendo na hora ajudou o IRS (o serviço fiscal dos Estados Unidos) a pegar dois pilantras bem descuidados.

Tudo começou quando o IRS estava rastreando um suspeito em South Florida de ser um ladrão de identidades, que desejava vender um arquivo de 700 mil registros. Problem is, eles precisavam identificá-lo para pegá-lo com a boca na botija.

Em 7 de maio último, durante um jantar num restaurante local, o tal suspeito (identificado até então apenas como "Troy") e uma acompanhante venderam para uma testemunha trabalhando disfarçada para a agência um pendrive contendo uma amostra dos dados, com cerca de 50 mil identidades. Entretanto, o pendrive só tinha em torno de 50 registros, mas algo muito mais suculento: dados que linkavam o pendrive a um tal de "Troy Maye".

A partir daí foi somar dois mais dois, e uma pesquisa rápida apontou um perfil do Instagram (agora privado) com o mesmo nome, e qual não foi a surpresa ao ver que a toupeira fotografou e postou o jantar que estava comendo durante o encontro com a testemunha, e as tags apontavam o mesmo dia e local, o restaurante Morton's:

Steak e macarrão com queijo. Pego pelo estômago

Resultado: Nathaniel Troy Maye, 44 anos e sua cúmplice, Tiwanna Tenise Thomason, 39, foram pegos no apartamento dele em posse de 55 mil identidades. Não tendo como negar confessaram o crime e podem pegar até 12 anos de prisão, além de multas pesadas.

Para concluir, fica a lição de John Milton que pelo visto, a maioria dos bandidos modernos ainda não assimilou (para sorte das autoridades):

es7anislao — Vanity, Definitely my favourite Sin!

Fonte: Sun Sentinel via Mashable.

relacionados


Comentários