Meio Bit » Baú » Internet » CISPA passa no Congresso Americano; mais democratas apóiam a lei e desafiam Barack Obama

CISPA passa no Congresso Americano; mais democratas apóiam a lei e desafiam Barack Obama

CISPA é aprovada no Congresso Americano com o dobro de votos dos democratas em relação a 2012.

18/04/2013 às 16:29

cispa

O Congresso Americano aprovou hoje, por 288 votos contra 127, a Lei de Proteção de Compartilhamento e Inteligência Cibernética, conhecida como CISPA. Para quem não andou acompanhando as notícias acerca das leis de vigilantismo que permearam a internet em 2012 tais como a SOPA e o ACTA, a CISPA prevê que:

As empresas (qualquer empresa) poderão coletar informações de um usuário (qualquer usuário, em qualquer lugar do mundo) e enviá-las para o governo americano ou setores privados interessados em ‘coibir crimes online’.

Em resumo, o governo americano se tornará o Grande Irmão, monitorando e coletando toda e qualquer informação que qualquer um compartilha na internet, de modo a combater a pirataria e outros crimes. Seu e-mail, aquela foto na balada, uma imagem com copyright compartilhada, tudo seria monitorado e catalogado.

A preocupação a princípio nem é essa, pois ano passado ela também foi aprovada pelo Congresso mas morreu no Senado; o problema é que o número de democratas apoiando a Lei mais que dobrou (92 contra 42 em 2012), num claro desafio à Casa Branca, que ameaçou vetá-la se ela passar.

Ela foi ajustada de lá para cá, mas não é surpresa que as correções não protegem de forma alguma a privacidade individual. O problema é que isso é um aviso que no fim é sempre política e dinheiro, os democratas não são os santos que as pessoas pensam comparados ao republicanos, e Obama não tem tanto controle assim sobre seu partido.

Lembrando que entre as empresas, Google e Facebook permanecem em cima do muro, mas a IBM apóia a CISPA.

Fonte: TC.

relacionados


Comentários