Meio Bit » Baú » Games » Criador do Spelunky critica mercado de jogos para celular

Criador do Spelunky critica mercado de jogos para celular

De acordo com Derek Yu, lançar jogos para celulares é muito arriscado, já que a chance de sucesso é pequena.

11/04/2013 às 14:35

spelunky_09.04.13

Quando Nolan Bushnell decretou o fim do mercado de jogos para celular, muita gente discordou de sua opinião, mas pelo menos uma parte de sua entrevista encontrou apoio de outro desenvolvedor, mais precisamente aquela em que o fundador da Atari afirma que é muito ariscado dedicar tempo e dinheiro à criação de um jogo que provavelmente passará despercebido da maioria.

Acho que é complicado porque esse mercado possui tantos jogos que estão lá para ser entretenimento barato e fazer muito dinheiro,” declarou Derek Yu, game designer responsável pelo Spelunky. “É um lugar difícil para um desenvolvedor que queira fazer um jogo que não siga o estilo de jogos para celular, é meio intimidante. É também um negócio mimado, em termos do que obterá sucesso e do que não obterá. Para muitas desenvolvedoras, lançar um jogo para iOS e outros dispositivos móveis é como uma loteria e este é um sentimento complicado para os estúdios.

A opinião de Yu serve para desmistificar um pouco a ideia de que qualquer pessoa pode ficar milionária desenvolvendo para celulares, além de acender o alerta de que ter uma oferta gigantesca de jogos a preços irrisórios pode não ser tão vantajoso assim, já que a maior parte deles não valem nossa atenção.

Aproveitando que Bushnell foi citado, o maior risco que vemos hoje em dia com o mercado de celulares é de em breve ele ser um dos principais responsáveis por ocorrer algo como o crash de 1983. Só tenho dúvidas se a plataforma possui força para algo desse porte.

[via GamesIndustry]

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários