Meio Bit » Baú » Fotografia » Morte da TV analógica foi adiada para 2018; 4G sofre "pequena" mudança nos planos

Morte da TV analógica foi adiada para 2018; 4G sofre "pequena" mudança nos planos

Ministério das Comunicações adia fim do sinal da TV analógica para 2018 e planos para o 4G sofrem alteração.

10/04/2013 às 8:00

Crepúsculo do 4G

No fim das contas esse movimento já era esperado: o Ministério das Comunicações, numa mudança de estratégia, decidiu prorrogar o desligamento do sinal da TV analógica, prolongando seu uso até 2018. O motivo, segundo o ministro Paulo Bernardo, é mais do que óbvio: muita gente não tem TVs digitais.

A intenção agora é incentivar o brasileiro a comprar equipamentos digitais até a desativação do sinal, através da chamada "Bolsa Novela" (sic).

Nem é preciso ter bola de cristal: o Brasil é um país gigantesco, muita gente no interior do país mal tem água encanada e energia elétrica, e muitos ainda tem TVs de tubo com batente de madeira (ninguém me contou, eu vi); bater o martelo da morte do sinal analógico para daqui a três anos (mesmo levando em conta que o plano começou em 2006) seria o mesmo que deixar muita gente sem TV, e como nossa presidenta vai falar aos seus súditos eleitores nos recantos mais afastados do país?

Agora vem a parte divertida da notícia: o leilão da faixa de 700 MHz ocupada hoje pelas TVs analógicas seria antecipado para 2013, mas com o adiamento da desativação do sinal para 2018, os planos do 4G em todo o Brasil foram adiados para sabe lá Deus quando. Quanto à instalação do sinal nas cidades-sede da Copa das Confederações, como a Fifa quer que as obras sejam acereladas, Paulo Bernardo mudou o tom, dizendo que "há tempo para instalar os equipamentos nos estádios".

Pois é, eu estava absolutamente certo (nem era tão difícil assim, no fim das contas) ao dizer que o 4G nas seis capitais seria feito tão nas coxas que se resumiria apenas aos "templos da bola".

Apesar de uma TV digital estar relativamente barata hoje em dia, ainda é um senhor investimento para famílias mais pobres, os beneficiários dos programas do governo que serão atendidos pela "Bolsa Novela". Já o 4G... bem, a gente nem tem um 3G que funcione direito...

Fonte: Folha e EBC.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários