Meio Bit » Baú » Games » Adolescente (muito) idiota quase ganha prêmio Darwin via Microsoft

Adolescente (muito) idiota quase ganha prêmio Darwin via Microsoft

29/08/2007 às 10:03

meiobit-darwin.jpg O Prêmio Darwin é dado aos idiotas que colaboram com o aprimoramento do patrimônio genético humano, removendo seus genes do mesmo, por meio de morte causada por estupidez, ou esterilidade oriunda da mesma estupidez. Uma das regras é que o candidato não pode ter se reproduzido antes de realizar o feito que o indique ao prêmio.

Com 14 anos e gamer, é seguro dizer que o DNA deste sujeitinho não deve ter se espalhado para muito além das cortinas do banheiro, qualificando-o na primeira exigência. Então basta um último passo, mas não foi dessa vez. Ele não morreu, por pouco.

O ser ausente de neurônios estava reclamando de seu XBox 360, que resetava a cada 5 minutos. Concluindo que era superaquecimento, procurou um um método prático para resolver o problema. Nosso candidato a McGyver embrulhou a fonte do XBox em plástico, "vedou" com fita adesiva e mergulhou em uma bacia com água. A fonte, claro, estava ligada. Segundo a mãe, ele achou essa dica genial na Internet.

Quando a mãe da criatura voltou, ele estava desacordado, deitado no chão, com queimaduras no pé e na mão direita. (diga adeus ao lazer, kid)

Levado para o hospital, passou a noite em observação.

A parte divertida é que não só aposto que a mãe dessa cavalgadura vai querer processar a Microsoft, como os Fanboys vão dar um jeito que concluir que sim, Bill Gates É culpado pela idéia genial (mas de execução desastrada e final desapontador) do suicida teen.

Quando ao Prêmio Darwin, acho que ele merece ao menos uma Menção Honrosa.

Fonte: Fake Steve Jobs

relacionados


Comentários