Meio Bit » Baú » Demais assuntos » Adivinhe onde o presidiário escondeu o iPhone...

Adivinhe onde o presidiário escondeu o iPhone...

05/08/2007 às 9:46

meiobit-tunel.JPG

É, lá mesmo.

Segundo o relato, o detento da penitenciária Big Sandy (nenhuma relação com a cantora ou seu irmão) no Kentucky ficou tão excitado quando um visitante mostrou seu iPhone que decidiu ficar com o aparelho. O problema é que "telefone celular" só quer dizer "telefone pra usar na cela" no Brasil. Nos EUA o buraco é mais embaixo.

O buraco mais embaixo aliás foi a solução. O Maior Fanboy da Apple de Todos os Tempos, demonstrando uma elasticidade esfincteriana incomum fora do campo dos cursos de decoração e do teatro infantil, atuchou, fiofó adentro o iPhone.

Terminada a visita, voltou para sua cela, provavelmente andando como um caubói.

Aí o plano genial começou a dar problema. Mesmo sem nunca ter encenado "O Rapto das Cebolinhas", a simples observação me leva a concluir que um iPhone não é o objeto mais adequado para ser armazenado no pavilhão retrofuricular de um vivente. Embora tenha cantos arredondados (e quanto a isso o sujeito deve agradecer ao Steve Jobs e a Web 2.0) o próprio formato do aparelho não permite que ele saia com facilidade.

Desistindo de tentar remover o iPhone, o sujeito assumiu a postura de "já que está deixa ficar", imaginando que quando a natureza seguisse seu curso, o iPhone sairia junto. OK, seria um iPhone com uma tonalidade marrom-Zune, mas tudo bem.

meiobit-rectumsanctorum.jpg

Só que não funciona assim. O iPhone agiu como uma rolha, a pressão acabou lacerando as laterais do colon do sujeito, que sofreu sem ir ao banheiro (nem brincar com o telefone) por três dias.

Infeccionado, estufado de material cerebral (ou você acha que ele tinha o quê na cabeça?), o sujeito pediu arrego. Tratado no hospital da prisão, o iPhone foi removido, as feridas cuidadas, mas o aparelho infelizmente não conseguiu ser salvo.

O melhor de tudo é que o gênio do crime passou por isso tudo, mas mesmo que seu plano tivesse dado certo, ele só usaria o iPhone por um ou dois dias, pois ele não atuchou no fiofó um carregador.

Via: Gizmodo

relacionados


Comentários