Meio Bit » Baú » Miscelâneas » Entrevista: Carlos Zimmermann, gerente de produtos da Microsoft Brasil

Entrevista: Carlos Zimmermann, gerente de produtos da Microsoft Brasil

13/07/2007 às 17:49

O MeioBit está sempre tentando obter um conteúdo diferenciado. Existem vários pontos de vista discutidos aqui e entrevistas são mais uma forma de oferecer um conteúdo exclusivo.

Caso existam dúvidas que não foram respondidas, basta deixá-las nos comentários e as melhores serão enviadas para a Microsoft e posteriormente publicadas.

MB: O Visual Studio Team System (VSTS) passa a ser vantajoso para empresas e equipes de que tamanho? É possível uma pequena equipe, de 5 pessoas, já obter vantagens da estrutura proposta?

Sim, equipes menores podem começar a tirar proveito de vantagens como controle de versão e acompanhamento de tarefas usando o VS Pro com VS Team Foundation Server. Esse seria um primeiro bom passo para começar a utilizar o VSTS. Uma equipe de 5 pessoas não tem porque comprar as licenças do VSTS completas, pois podem também, de acordo com a necessidade, adquirir o perfil necessário como uma licença do VS for Testers ou Database Professional para conseguir mais qualidade no desenvolvimento de aplicações. O ponto importante é que o VSTS se adapta a metodologias leves (ágeis) atendendo a demandas de pequenas e médias empresas também.

MB: A Microsoft afirma que o VSTS pode ser usado tanto para processos como CMMI quanto Agile. Poderiam explicar melhor?

Eles já possuem a metodologia MSF Agile e para CMMi como templates.

MB: Empresas que estejam buscando aprimorar seus processos de desenvolvimento, com CMM, CMMI, MPS.BR podem se beneficiar do Microsoft Solutions Framework (MSF). Pode explicar melhor o que é o MSF?

MSF é um conjunto de melhores práticas e já possui templates prontos para Agile e CMMi. O VSTS possui uma ferramenta para adaptação de processos onde sua empresa pode criar ou modificar os templates.

MB: Muitas tarefas repetitivas têm sido automatizadas através dos anos com novas versões do Visual Studio. O que podemos esperar do "Orcas"?

A Microsoft disponibilizou a nova versão do Visual Studio Orcas Beta 1 para download e também anunciou recentemente o Visual Studio Orças Express, em versão gratuira para estudantes e hobbistas. Essas duas versões do produto encontram-se disponíveis para interessados em conhecer as ferramentas da Microsoft e testá-las antes do seu lançamento oficial. O Visual Studio Orças permite que desenvolvedores consigam criar rapidamente aplicações de forma mais segura e completa em plataformas como a do Windows Vista, Longhorn, além do Office 2007 e Web. O Visual Studio Orças conduz a aperfeiçoamentos no visual Studio Team System, que ajuda no desenvolvimento de softwares de comunicação organizacional de forma colaborativa, eficiente e promovendo previsibilidade ao processo de criação.

Para mais informações:

Visual Studio Orcas

Orcas Express

MB: Gostaríamos de saber mais sobre a nova atualização da .Net Framework e como ela afetará os desenvolvedores.

Temos a versão do .NET 3.0 com WPF e outros pontos interessantes que agora com as ferramentas Expression Studio pode ajudar aos clientes e parceiros desenvolverem aplicações ricas e sofisticas.

relacionados


Comentários