Meio Bit » Baú » Games » Criador do Monaco critica utilização de metas no Kickstarter

Criador do Monaco critica utilização de metas no Kickstarter

01/02/2013 às 8:30

dori_mon_29.01.13

De uns meses para cá temos visto inúmeras desenvolvedoras conseguindo o financiamento para seus jogos através da contribuição dos jogadores e uma das táticas que várias delas adotaram para aumentar o valor arrecadado foi adicionar conteúdo conforme certas metas fossem ultrapassadas.

Desta maneira caso a campanha de financiamento chegue a uma determinada quantia de dinheiro, o jogo ganharia novas missões, personagens e até mesmo modos, algo que pode até parecer uma simples forma de incentivo, mas que de acordo com Andy Schatz, criador do jogo independente Monaco, é uma maneira equivocada de se criar um game.

Eu tenho uma opinião pouco popular sobre o Kickstarter. Eu fico feliz pelas pessoas que obtiveram sucesso no Kickstarter e não me entenda mal, mas sou da opinião de que idealizar um jogo em torno de um orçamento variável e uma maneira terrível de se criar um jogo. Para ser sincero, penso que as metas são uma porcaria total.

Se você adiciona algumas coisas opcionais para incentivar as pessoas a lhe darem dinheiro… há uma diferença entre permitir que os fãs tenham uma grande quantidade de participação no game, o que eu faço, os testadores tem uma incrível influência no jogo, mas deixar que eles projetem o game em termos de ‘se o orçamento é esse, então faremos isso e se o orçamento for aquele, então faremos aquilo,’ para mim isso soa como a maneira perfeita de fazer um jogo que será insuficientemente completo ou inchado.

Como a maior parte dos jogos bancados por campanhas no Kickstarter ainda não foram lançados, me parece um tanto prematuro dizer se a opinião Schatz está certa ou não, porém, acho que ela faz sentido e também me incomoda ver que tal jogo não terá uma função proposta e que me agrada “apenas” porque a sua desenvolvedora não tem condições de bancar o seu desenvolvimento e como bem sabemos, nem todos possuem a sorte de ultrapassar os desafios propostos, como uma Obsidian ou uma WaterMelon.

[via The Penny Arcade Report]

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários