Meio Bit » Baú » Games » O soldado que pensava estar em um videogame

O soldado que pensava estar em um videogame

23/01/2013 às 7:43

Se você tem acompanhado o noticiário nos últimos dias deve estar sabendo do conflito no Mali, cuja maior participação estrangeira é da França. Bom, guerras estão sempre cercadas de polêmicas, mas uma das primeiras a surgir nesta aqui é sem dúvida algo bastante inusitado, até por de certa forma envolver os videogames.

Tudo começou por causa da fotografia abaixo, tirada pelo correspondente Issouf Sanogo e se ela não tem o mesmo impacto visual daquela em que crianças fogem de um ataque de Napalm ou da que mostra um médico alemão andando entre judeus mortos, serviu para chamar a atenção de quem jogou a série Call of Duty: Modern Warfare, exatamente por um soldado estar usando um cachecol lenço igual ao de um popular personagem do game e isso logo fez com que o alta escalão do exército francês criticasse duramente a postura, que foi classificada como “inaceitável” e de acordo com o coronel Thierry Burkhard, “essa imagem não representa a ação da França no Mali.

O Twitter ficou em polvorosa, com inúmeras pessoas atacando veementemente a atitude do soldado não identificado e a imprensa francesa também não perdeu tempo, com um jornal falando sobre a situação e dando como manchete o título deste post.

O fotógrafo por sua vez disse ter ficado surpreso com a repercussão e após passar algum tempo viajando com os soldados franceses, afirmou que eles trabalham em condições difíceis e fazem o possível para se entreter. Além disso, declarou não ter certeza se o mascarado tem conhecimento de tudo o que está sendo dito sobre ele e na minha opinião, sua descrição das condições em que a foto foi tirada ajuda a tornar as reclamações um tanto injustas, veja só:

Um helicóptero estava pousando e levantou enormes nuvens de poeira. Instintivamente, todos os soldados pegaram seus cachecóis lenços para evitar ter a boca cheia de areia… Vi aquele soldado usando um cachecol lenço estranho e tirei a foto. Naquele momento nada na cena era chocante ou parecia fora do normal. O soldado não estava posando e não havia nada encenado na imagem. Ele estava apenas ali, protegendo seu rosto da poeira, esperando o helicóptero pousar. Ninguém tentou me impedir de tirar a foto.

Há ainda outro detalhe que muitas pessoas não estão levando em consideração, o fato de que tal máscara não foi criada pela desenvolvedora do Call of Duty e sim copiada de soldados que a utilizavam na Guerra do Iraque. Além disso, quem assistiu o filme Tempos de Violência, de 2005 e portanto bem anterior ao lançamento do primeiro Modern Warfare, provavelmente se lembrará de uma cena em que o personagem interpretado por Christian Bale esconde seu rosto com algo muito parecido.

Então, acho que as pessoas deveriam começar a se preocupar com as verdadeiras atrocidades que são cometidas numa guerra e não em um sujeito que na pior das hipóteses, achava que estava vivendo em um jogo eletrônico.

dori_mali_23.01.13

[via AFP]

relacionados


Comentários