Meio Bit » Baú » Indústria » Microsoft Remix - O que não funcionou

Microsoft Remix - O que não funcionou

03/07/2007 às 18:25

meiobit-remix.jpg Não estou falando dos bugs normais - embora para frustração de todo mundo que não estava no palco não tenha ocorrido nenhuma tela azul - mas de infra. Organizar eventos é uma barra. Não recomendo a ninguém, e ter um oleoduto de dinheiro não vai te livrar dos problemas também.

Uma surpresa muito ruim foi que embora tivéssemos 10 computadores HP top de linha com monitores LCD de 21" widescreen maaaaravilhosos para brincar, não havia WIFI liberado.

No site da Villa Noah está descrita, como característica do espaço, WIFI. O que descobrimos é que o acesso estava vetado, só sendo acessível via Vex. Pombas (eu ia escrever aquele palavrão com PO, dois erres e um "a" mas este é um site de respeito) como assim, Bial? Um lugar que é bancado pela Embratel tem WIFI da Vex? E não está liberado?

Decepcionante. Enquanto na civilização eventos assim são preparados para agradar os live bloggers aqui A preocupação é com a banda que vai ser gasta. Será que há cartazes no banheiro avisando "se é sólido, dê a descarga, se é liquido pense duas vezes - conserve água, salve o planeta"?

Bruno, Galileo, Bill; profissionais de TI adoram conectividade. Troco os pães de queijo por WIFI aberto a qualquer momento. Claro, depois de escrever essa reclamação descobri que via celular o WIFI funciona. A tela de acesso na VEX parece que só é mostrada pra equipamentos capazes de exibi-la. No N80 consegui entrar, no Macbooks não.

Mais cedo o Fugita misteriosamente conseguiu acessar, mas depois parou. Testando, descobriu que seu Firefox não funcionava mais. Já com o Internet Explorer a Internet entrava. Teoria da Conspiração ou algo óbvio, já que estamos em um evento da Microsoft?

Nunca saberemos, a máquina dele acabou de dar tela azul. Mas não conta, era developer, não palestrante.

Investigando, descobrimos alguns dados interessantes. A Villa Noah cobrava da Microsoft R$500,00 por cada ponto de rede usado pelos computadores da HP. R$500 / dia. Bloquearam o WIFI por medo do consumo de banda, dada a quantidade de notebooks. Cacete! Eles são da Embratel, se a Embratel tem preocupações com banda, parem o mundo que quero descer.

Pior: Abriram o WIFI mas queriam cobrar da Microsoft POR MÁQUINA conectada aos Access Points.

Isso na minha terrra é uma mistura de ganância com mesquinharia. Nenhum dos dois é bem-visto. Por mim o Villa Noah está cortado, como local para a Festa de Aniversário do MeioBit.

relacionados


Comentários