Meio Bit » Arquivos » Meio Bit » Powerballs

Powerballs

25/06/2007 às 9:59

powerball1.jpg

Devo confessar: sempre tive muita curiosidade sobre essas "Powerballs". Pareciam o brinquedinho geek mais... geek... sobre o qual eu já tinha lido a respeito: um giroscópio no tamanho certo para ser pego em uma mão, com um pequeno contador que registrava a velocidade máxima.

Parecia irresistível, mas como era complicado importar uma dessas, acabei deixando pra lá.

Qual não foi minha supresa, quando há alguns dias, chegou um email da representante nacional das bolinhas, perguntando se não queríamos uma para testes! É claro que sim e fiquei incumbido da árdua tarefa... porque, afinal de contas, a coisa exige esforço! No primeiro dia, fiquei com o braço doendo de tanto brincar... mas vamos por partes.

O que é

A Powerball é um giroscópio desenvolvido, segundo o fabricante, pela NASA, para exercitar os astronautas em microgravidade. Particularmente, a vejo como um dos brinquedos mais viciantes que já conheci.

Na caixa, há um DVD com filmes explicativos, um encarte de ótima qualidade mostrando os modelos e como iniciar, o cordão usado para colocá-la em rotação, além da pulseira, para prevenir uma queda. No entanto, verifique se ela está corretamente fixada: a minha veio solta.

A idéia é colocar o giroscópio em funcionamento, usando o cordão e, então, adicionar energia ao conjunto, fazendo-o girar cada vez mais rápido com o movimento do punho. Meu recorde é 11000 rpm, mas há relatos de incríveis 16000 rpm!

O contador, além de mostrar a máxima rpm conseguida, também pode mostrar a rotação instantânea, a acumulada e a acumulada a um determinado intervalo de tempo.

Um único cuidado: não a deixe cair ou o mecanismo nunca mais será o mesmo.

Imag017.jpg

Bola4.jpg

A bolinha foi um sucesso imediato em todas as rodas de amigos e garantiu horas de boas risadas, além de muito suor do pessoal mais afoito. Quem já teve um ioiô da Coca-cola ( em 82 ) sabe do que estou falando. Aliás, o único empecilho a uma "febre de Powerballs", é o custo.

Modelos e preços

O modelo recebido para testes foi o "Signature Edição Limitada" ( o da primeira foto ). Muito bonita, branca e translúcida, com leds também brancos que geram um efeito luminoso muito interessante. Detalhe: sem usar baterias! A eletricidade é gerada a partir da energia cinética da bolinha. Essa custa R$ 295,00.

Existem ainda: Powerball 250Hz, que não vem com o contador digital, ao preço de R$ 125,00; 250Hz PRO, com o contador digital, custando R$ 210,00; 250Hz NEON, que vem com leds coloridos, sem o contador digital, custando R$ 150,00; 250Hz NEON PRO, com o contador digital e os leds coloridos, custando R$ 240,00; Techno, acompanhada de uma bolsa de couro, por R$ 285,00; 350Hz METAL, que pesa o dobro das outras, é feita de metal e custa a bagatela de R$ 595,00.

Palavras finais

Esse é um brinquedo fantástico, com o qual fiquei entretido por dias. A qualidade do material é muito boa e fica realmente difícil não se empolgar. Aliás, só vou me desfazer dele porque, no sorteio da semana que vem, em vez de darmos uma camiseta, enviaremos essa Powerball Signature Edição Limitada. Portanto, se você ainda não está cadastrado, assine nossa newsletter e cruze os dedos!

relacionados


Comentários