Meio Bit » Baú » Demais assuntos » Idiotas na fila pra comprar iPhone. Até quando?

Idiotas na fila pra comprar iPhone. Até quando?

14/12/2012 às 10:51

Engana-se quem pensa que o clima só tem quatro estações. Na verdade são cinco, sendo elas Primavera, Verão, Outono, Inverno e lançamento de produto novo da Apple. Cada uma tem seus atrativos, na Primavera o verde e as flores aparecem, no Verão o calor aumenta e mulheres andam com pouca ou nenhuma roupa, no Outono as folhas caem e a beleza toma conta das cidades e no Inverno dá pra peidar embaixo do edredom sem sofrer julgamentos. E o que acontece em época de lançamento de produto da Apple? O de sempre. Gente falando que vai comprar e gente falando mal de gente falando que vai comprar.

Ontem o iPhone5 chegou oficialmente ao Brasil e filas foram formadas para compra-lo. Eu não me recordo de ter visto filas pra comprar iPhone no Brasil antes, mas posso estar enganado. Pra mim, pouco importa o que uma pessoa faz ou deixa de fazer com o dinheiro dela. Também não importa se ela pagou o iPhone à vista ou dividiu em 12x, considerando que não sou eu que vou pagar. Então faço a pergunta: por que as pessoas se incomodam tanto com quem vai pra fila da loja comprar o iPhone?

Esse fenômeno não é exclusivo para produtos da Apple. Um show muito esperado, por exemplo, também tem gente se acotovelando e dormindo dias em filas pra pegar um lugar melhor. E olha que a pessoa não vai levar o artista pra casa, nem os instrumentos musicais tem Whatsapp. Eu não faço ideia do que leva as pessoas a se incomodarem tanto com isso, chamando quem vai pra fila de trouxa, burro, idiota e elogios similares. Inclusive, uma mesma pessoa que dormiu na fila pra ver um show critica quem vai pra fila do iPhone. Ah, a Lógica, essa criatura tão misteriosa.

Há também quem diga que é burrice pegar fila pra pagar R$2.000,00 num telefone só pelo status. Vejamos, se não houvesse fila, não seria burrice? Além disso, independente do status (se é que existe), um smartphone (não importando se é iPhone, SIII, etc) não é só um tijolinho bonito que deixa você bacana. É um equipamento que tem um trozolhão de utilidades. Uma delas, inclusive, é ser usado pra dar chiliques sobre como os outros gastam o próprio dinheiro. Uns dizem que é recalque, outros que é inveja. Talvez em alguns casos seja verdade, mas acredito que seja mais falta do que fazer, mesmo. O sujeito está lá, desocupado e escolhe um alvo pra falar mal, não importando que ele tenha comportamentos tão ou mais imbecis que o criticado.

Pra mim, o principal reflexo das filas é que mais gente hoje tem condições de adquirir esses equipamentos, o que é ótimo. Do que diabos estão reclamando? Quanto mais gente comprar iPhones, menor será a exclusividade e o tão alegado status desaparece. Não será mais "cool" ter um iPhone. Tecnologia de ponta tem que ser acessível a todos. No dia que alguém que se acha especial por ter um iPhone (afinal, são apenas uns 100 milhões no mundo, coisa bem exclusiva) cruzar com um vendedor de hotdog na rua fazendo uma ligação de outro iPhone, garanto que esse suposto status que o aparelho fornece irá sumir. É só uma questão de lógica.

Ah, a Lógica, essa criatura tão misteriosa.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários