Meio Bit » Arquivos » Internet » Site registra serviço com nome de fundador do 4Chan e se recusa a mudar de idéia…

Site registra serviço com nome de fundador do 4Chan e se recusa a mudar de idéia…

22/11/2012 às 9:15

Popcorn_02_Stephen_Colbert

Para o bem e/ou para o mal, o 4Chan é uma força na Internet. Sem o pseudo-ativismo do Anonymous, que é uma espécie de FEMEN sem peitos, o 4Chan não tem uma causa própria, exceto se divertir, e com isso conseguem originar 90% de tudo de interessante que aparece na Internet E, de vez em quando, embarcam em algumas cruzadas bem positivas, como desmascarar pedófilos.

Infelizmente nem sempre são bem-sucedidos. O projeto de mandar Justin Bieber para a Coréia do Norte não deu certo.

Moot, o fundador, dono e supremo líder do 4Chan defende anonimato com responsabilidade, e o 4Chan segue o espírito, mas quando alguém ameaça um massacre em uma escola, ou posta vídeos torturando um animal, o site inteiro inicia uma caçada, quase sempre bem-sucedida.

Ele aliás foi eleito a pessoa mais influente de 2009 pela revista Time. Eleição online, claro.

Para surpresa de todo mundo uma startup promovendo um serviço de “fóruns e comentários” registrou o domínio moot.it. Christopher Poole, o primeiro e único Moot não gostou, e por meio de um advogado enviou uma notificação extra-judicial pedindo o cancelamento do domínio.

O site respondeu que não vai mudar o nome do serviço, e que se Moot fizer novas exigências, por ser uma ação “frívola”, ele e seu advogado serão processados.

Isso mesmo. A startup ameaçou o dono do 4Chan de processo, e vai continuar usando o nome do cara para promover seu serviço de fórum.

Well, essa eu vou assistir de camarote. Um grupo de manés que chegou agora na Internet versus o pessoal que criou pérolas do mundo estranho como o skullfuck e a cumbox. (por tudo que é sagrado, não google).

relacionados


Comentários