Meio Bit » Baú » Games » DICE não quer ser uma "fábrica de Battlefields"

DICE não quer ser uma "fábrica de Battlefields"

21/11/2012 às 14:33

dori_bf3_20.11.12

A DICE pode ser reconhecida como os criadores da poderosa engine Frostbite 2, ferramenta que já deu vida a títulos importantes como o Need for Speed: The Run, Medal of Honor: Warfighter e o Battlefield 3, mas depois de trabalhar com a franquia de tiro desde o Battlefield 1942, é inevitável associarmos seu nome a tal série.

Porém, contando hoje com cerca de 300 funcionários, de acordo com Patrick Soderlund, vice-presidente da EA Games, o estúdio não quer ficar conhecidos como uma”fábrica de Battlefields” e que por isso é essencial que eles possam desenvolver outros projetos:

No minuto em que dissermos que, ‘vocês irão fazer um Battlefield pelo resto de suas vidas’, eles irão trabalha em outro lugar. Então, para que possam continuar criando bons jogo da série, é preciso que haja outras coisas para que eles façam. É por isso que temos pessoas trocando de lugar de vez em quando e obviamente temos várias delas que simplesmente querem trabalhar num Batlefield porque gostam da série.

O mesmo acontece com a equipe de São Francisco que está fazendo o Dead Space. É uma esplêndida equipe, eles são apaixonados pelo o que fazem e adoram criar novos Dead Space.

Mesmo assim, nos últimos dez anos, tirando o Mirror's Edge, o Need for Speed: Hot Pursuit – criado em parceria com a Criterion - e o multiplayer do Medal of Honor lançado em 2010, todos os outros jogos desenvolvidos pela DICE tinham algum tipo de relação com a série Battlefield, mesmo que fosse basicamente só no nome, como é o caso dos dois Bad Company. Posso até estar errado, mas isso me faz deduzir que mesmo que seja verdade essa história de incentivarem a criação de coisas diferentes, penso que não estejam assim tão dispostos a deixarem sua zona de conforto.

[via Official Xbox Magazine]

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários