Meio Bit » Baú » Games » E a Irrational segue perdendo funcionários

E a Irrational segue perdendo funcionários

16/10/2012 às 15:00

dori_bios_16.10.12

Eu sempre fico um tanto cabreiro ao ver que alguns funcionários importantes estão saindo de uma empresa quando ela está prestes a lançar um jogo e é exatamente isso o que está acontecendo atualmente com a Irrational Games.

Com a chegada do BioShock: Infinite prevista para fevereiro do ano que vem, em agosto passado o estúdio de Ken Levine já havia perdido quatro peças importantes da equipe, sendo a principal delas o diretor de arte Nate Wells, que trabalhou lá pelos últimos 13 anos e agora outras duas pessoas anunciaram sua saída da companhia, o responsável por inteligência artificial, Don Norbury e Clint Bundrick, diretor de design de combat. Ambos irão trabalhar na Microsoft e enquanto Norbury assumirá o cargo de engenheiro chefe de desenvolvimento de software, o outro atuará como designer sênior.

Levine afirmou recentemente que não pode impedir que as pessoas deixem de trabalhar na Irrational e que tais partidas é algo natural numa empresa que conta com mais de 200 funcionários, mas como temos ainda o caso do produtor Joseph Faulstick, que em maio passado anunciou que também iria para a Microsoft, como não nos preocuparmos em como isso pode afetar a qualidade final de um jogo tão promissor quanto o Infinite?

Talvez essas ausências não sejam mesmo sentidas, mas repito, trata-se de profissionais que tinham um peso considerável na criação do game e quem deve estar comemorando mesmo é a fabricante do Xbox 360, já que está conseguindo montar uma equipe de respeito.

[via Joystiq]

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários