Meio Bit » Baú » Demais assuntos » O Linux já selecionou melhor suas amizades

O Linux já selecionou melhor suas amizades

30/04/2007 às 20:36

Uma velha piada dizia que não é que o Linux não fosse user friendly, ele apenas selecionava as amizades. É verdade. No tempo dos Slackwares, onde o X era completamente opcional, era difícil achar um fanboy sem-noção, justamente pela dificuldade. Mesmo online, com os BBSs, os novatos não eram realmente novatos, pois para chegar onde chegaram tiveram que ralar bastante com configurações, modems, etc.

Hoje não é mais assim. Esse pinguim/Paris Hilton está topando qualquer um. O nível dos usuários vem caindo muito, pela facilidade que é utilizar os sistemas modernos. A comunidade ortodoxa critica o Ubuntu e o Suse justamente por causa disso. Não deixam de ter uma certa razão.

Exemplo? Neste link da Amazon um canalha, que não está fazendo nada ilegal, vende Ubuntu. Por US$1,99, mais US$5,98 de frete. Sendo que ele só precisa colocar o endereço do comprador em http://shipit.ubuntu.com e o pessoal da Canonical cuida do envio.

O cara tem 798 mensagens de feedback, com 98,2% de mensagens positivas. O pessoal agradece, diz que chegou rápido, etc.

Essa gente BURRA tem algo a contribuir? Se o Linux é um produto comunitário, esse pessoal é só peso morto. Alguém incapaz de LER um website ou fazer uma busca no Google antes de colocar seu cartão na Amazon e gastar quase $10 no máximo serve como reserva ambulante de carbono, ou fonte de órgãos para doação compulsória.

Fonte: Cybernet

relacionados


Comentários