Meio Bit » Baú » Internet » Google a toque de caixa

Google a toque de caixa

25/01/2007 às 20:48

2007 começou agitado em Moutain View, a Google desde da primeira semana do ano apresenta novidades quase que diariamente.

A primeira foi referente ao Gmail, depois de vários meses estacionado em 2800MB de armazenamento, em primeiro de janeiro, seu contador voltou a andar aumentando em 400kb diários o limite da sua mailbox.

No dia oito lançou a nova versão do SketchUp seu aplicativo para designers produzirem elementos em 3D, as novas funcionalidades estão listadas no guia do usuário.

O dia nove de fato marcou a história da indústria da tecnologia com o lançamento do iPhone da Apple. Mais uma vez estava lá a empresa se Brin e Page. Além de toda a revolução causada pelo novo gadget ele vem totalmente integrado com o Google Maps e com a ferramenta de busca da Google.

Sem trégua, no dia onze foi lançada a versão do Google Finance que traz as cotações de ações on-line e em tempo real. Esse tipo de serviço, geralmente, é cobrado por corretoras on-line, o anuncio do lançamento foi feito no blog oficial da empresa.

Achando que foi só isso? Então, dia dezenove foi ao ar o novo release do Google Page Creator , focando melhorias em torno da usabilidade do aplicativo. Já no dia vinte e três um retoque no Google Homepage deu uma aprimorada muito bem vinda para os usuários que utilizam o serviço como agregador de feeds em RSS.

Fechando a rodada veio o Google Grupos, saindo da sua versão beta e tornando-se oficial. Claro, com algumas novidades para justificar o período beta do produto e facilitar o trabalho do usuário. Veja a matéria abaixo.

Fica bastante clara a intenção da Google em dominar de vez o mercado on-line, não só com seu motor de busca, mas com diversos aplicativos para um público-alvo bastante heterogêneo.

O mês ainda não acabou, quem sabe nos últimos oito dias de janeiro a Google não traga mais novidades para o mercado. Fica claro que o pessoal de Mountain View não para nunca e que o ritmo da empresa para 2007 promete ser frenético, vamos ver como os concorrentes irão reagir ao novo ritmo do mercado, imposto pela Google.

relacionados


Comentários