Meio Bit » Baú » Games » E3 2012 • Sony

E3 2012 • Sony

05/06/2012 às 7:59

dori_e3son_04.06.12

Um dos destaques da Sony em suas passagens recentes pela E3 tem sido a grande quantidade de jogos exclusivos para suas plataformas e logo no início da apresentação deste ano a empresa japonesa quis deixar claro que pretendia manter a tradição. Após uma puxada de saco básica de Jack Tretton, presidente da SCEA, em Kaz Hirai, o grande manda-chuva da companhia, chegava a hora de conhecermos o Beyond: Two Souls.

Segundo David Cage, game designer da Quantic Dream, o game abordará um dos maiores mistérios da humanidade, a morte. Nele acompanharemos Jodie Holmes, interpretada pela atriz Ellen Page, e que tem a companhia de uma entidade sobrenatural. O trailer do game mostrava a garota sentada numa delegacia enquanto uma equipe da Swat invadia o lugar e assim como no jogo anterior do estúdio, o Heavy Rain, a animação facial dos personagens e a tensão da cena chamaram a atenção.

Então pudemos ver um pouco da jogabilidade do PlayStation All-Stars: Battle Royale, jogo com visão lateral que colocará diversos personagens para lutar em uma arena e como era de se imaginar, sua jogabilidade parece muito com a da série Super Smash Bros. da Nintendo. Eu já não tinha muita expetativa em relação ao título, mas depois de vê-lo em ação, posso dizer que a única coisa que me chamou a atenção foi a interação entre as versões para o PS3 e o Playstation Vita, ou seja, quem estiver no portátil poderá jogar contra aqueles que estiverem no console e a mesma função será adicionada ao LittleBigPlanet 2 através de um DLC gratuito.

Por falar no Vita, as novidades para ele na conferência se resumiu ao anúncio de dois jogos exclusivos, Call of Duty: Black Ops: Declassified e o Assassins’ Creed III: Liberation, sendo que neste último pela primeira vez na série controlaremos uma assassina e tenho certeza que aqueles que investiram ou pretendem comprar o portátil ficaram um pouco decepcionados com a falta de novidades.

A Ubisoft então subiu ao palco, primeiro para mostrar um trecho do Assassins’ Creed III onde controlamos um navio e a impressão deixada pelo jogo novamente foi muito boa. Depois foi a vez de mais um pouco de Far Cry 3 e novamente o FPS nos surpreendeu, agora apresentando uma campanha inteira que poderá ser jogada cooperativamente por quatro pessoas.

Foi a partir daí que a Sony perdeu um pouco a mão. Ao revelar um novo aplicativo chamado Wonderbook, que nada mais é do que uma espécie de livro de realidade aumentada e que usará a Playstation Eye e o Move, eles anunciaram uma parceria com a criadora do Harry Potter, J.K. Rowling e uma apresentação do seus Book of Spells levou o que pareciam horas. Porém, há de se reconhecer que o brinquedo é interessante e tenho a impressão de que ele fará bastante sucesso entre as crianças.

Depois de ficamos sabendo que a Playstation Suite e agora se chamará Playstation Mobile, aparecendo nos smartphones da HTC certificados pela Sony e foi a vez de conhecermos um pouco do God of War: Ascension (previsto para 13 de março) e novamente uma demonstração bem longa foi exibida. Aqui nada de muito inovador, o game mantêm o tradicional esmagamento de botões, vários Quick Time Events e uma grande quantidade de inimigos para serem fatiados. Talvez eu tenha me enganado, mas tive a sensação de que essa versão está visualmente mais bonita que o GoW III.

E aquele que considero o ponto alto da conferência ficou para o final, a demo do The Last of Us. O conceito por trás do jogo da Naughty Dog me pareceu muito interessante desde o início, mas eu queria ver um pouco do game em ação e o que foi mostrado pela Sony me encheu de esperança. Não pelos gráficos incríveis, com cenários muito detalhados e animações para os personagens que beiravam a perfeição, mas porque o trecho apresentado era bastante tenso, com o jogador se esgueirando por um prédio para tentar evitar os inimigos e sem a fartura de munições e saúde regenerativa que estamos acostumados a ver nos jogos ultimamente. Para mim, até o momento este é o jogo da feira.

Uma conferência cheia de altos e baixos, foi desta forma que a Sony se apresentou na E3 este ano. Embora muitos tenham ficado animados com a revelação de que os assinantes da PSN Plus ganharão cópias do inFamous 2, LittleBigPlanet 2 e Saints Row 2 (provando que ser assinante da rede da Sony é mais negócio do que assinar a da Microsot), não há como deixar de lamentar a ausência do The Last Guardian e de um apoio maior ao PS Vita, que já vai dando sinais de que sua biblioteca poderá ser mais fraca que a do PSP.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários