Meio Bit » Arquivos » Games » Juíz recomenda banir XBox 360 dos EUA

Juíz recomenda banir XBox 360 dos EUA

27/05/2012 às 9:27

A Microsoft e a Motorola estão envolvidas em uma disputa jurídica, desde que, em 2010, a Motorola acusou a Microsoft de violar 4 patentes relacionadas à tecnologia usada no XBox 360, para conexão wireless e decodificação de vídeo entre os controles e o console.

Recentemente essa disputa ganhou mais um capítulo, quando o juiz David Shaw recomendou à Comissão Internacional de Comércio, que o console da Microsoft seja banido dos EUA em suas versões de 4 e 250Gb.

A Microsoft argumentou que a recomendação do juíz não serve ao interesse público, deixando ao consumidor apenas duas opções de consoles no mercado – o PlayStation 3 e o Nintendo Wii. Mas o juiz rebateu o argumento, deixando claro que o interesse público em assegurar o direito de propriedade intelectual é mais importante do que qualquer impacto econômico em potencial, aos consumidores deste tipo de produto. Além disso, ele não estaria convencido de que a Sony e a Nintendo – fabricantes do PlayStation e Wii, respectivamente - não poderiam cobrir o acréscimo de demanda, provocado pela ausência do XBox 360 no mercado.

Se a Comissão Internacional de Comércio acatar a recomendação de David Shaw, o Presidente Barrack Obama terá 60 dias para rever tal decisão. Após a expiração deste prazo, o próximo passo seria o Tribunal de Apelações Federal.

Na Alemanha, um tribunal já deu veredicto a favor da Motorola, garantindo a proibição das vendas do console da Microsoft no país, mas um juiz nos EUA conseguiu reverter temporariamente tal decisão. E a briga continua...

[via Eurogamer]

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários