Início / Arquivos / Brasil /

Brasileiros lançam site para evitar a fadiga de agendar consultas médicas

Conheça o YepDoc. Serviço foi feito por dois jovens de 29 anos.

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Chegou ao meu conhecimento um novo serviço para quem tem preguiça de telefonar no convênio médico para agendar uma consulta com dermatologista, dentista, clínico geral ou qualquer que seja a especialidade para a qual você precisa de atendimento. Está no ar o YepDoc, que serve justamente para agilizar a marcação de consultas. Não custa nada para usar.

O YepDoc se propõe a resolver um problema bastante comum: tentar marcar uma consulta médica e não conseguir. Você liga na clínica ou hospital, espera a boa vontade de quem lhe atende e, aí sim, descobre que o médico em questão está livre daqui a um mês somente.

YepDoc permite visualizar os futuros horários e agendar a consulta. Tudo de maneira bastante prática e eficiente. Para “otimizar a relação entre médicos e pacientes por meio de uma plataforma de organização de agenda”, segundo consta da nota encaminhada para veículos de imprensa.

YepDoc

E quem paga pela manutenção do serviço? Os médicos, dos quais é cobrada uma taxa mensal para manterem uma agenda profissional disponível na web, onde qualquer um pode consultar. Eu até perguntei, mas o YepDoc não revela quantos profissionais estão cadastrados no serviço. Afirmam somente que há 20 mil horários para consulta cadastrados no sistema.

Como tem muita gente esquecida por aí, o usuário tem a opção de adicionar o número de telefone para receber um SMS alertando sobre a consulta 24 horas antes do compromisso. O mesmo alerta também chega por email se a pessoa quiser.

A minha experiência com o site não foi exatamente positiva. Explico: fiz a busca selecionando vários convênios, mas praticamente nenhum deles me retornou resultados na cidade de São Paulo. Depois de consultar a agência que assessora a startup, obtive as capturas de tela que ilustram este artigo. De fato, dá para reproduzir a busca e obter alguns resultados, mas tenho a impressão de que o YepDoc ainda precisa ganhar musculatura principalmente em quantidade de médicos cadastrados. Poucas opções por enquanto.

Em nota, o YepDoc admite que todo o funcionamento do site se inspira no par americano ZocDoc. Por lá são mais de 1 milhão de consultas agendadas por mês, uma enormidade. Talvez seja uma projeção otimista: os criadores do serviço esperam chegar a 500 mil consultas agendadas com o YepDoc até o fim do ano.

O YepDoc foi criado pelos brasileiros Guilherme Pizzini e Paulo Piccini, ambos de 29 anos. Tem investimento do fundo de investimentos Rocket Internet, originado na Alemanha. Cá no Brasil eles são responsáveis pelo Groupon e pelo Dafiti, para citar apenas alguns gigantes da internet que contam com os marcos alemães euros do fundo.

A ideia é boa. Falta crescer para ficar ainda mais útil. E chegar a mais lugares, visto que limita-se à cidade de São Paulo.