Início / Arquivos / Celular /

Lumia 900 custa US$ 209 para ser produzido, mas pode ser obtido “de graça” nos EUA

Lucas Braga

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Mal foi lançado, o Nokia Lumia 900 já foi homologado pela Anatel e teve o seu valor de produção avaliado. A IHS, uma consultoria que realiza pesquisas de mercado, deu o seu palpite para o custo de produção do novíssimo Windows Phone com conexão 4G: contando com o preço da mão de obra, o aparelho enjanelado custa US$ 209 para a fabricante finlandesa.

Embora a empresa seja confiável, tenho minhas dúvidas sobre a veracidade desse custo. Na tabela de gastos não está incluída a licença do Windows Phone, cobrada pela Microsoft para cada aparelho vendido.

US$ 209 é o custo de produção do Lumia 900

Se tudo isso for verdade, a Nokia está tendo um baita prejuízo: com o recente bug relacionado à conectividade do celular, a empresa está dando US$ 100 para quem adquirir o Lumia 900 até o dia 21 de abril. O aparelho é vendido em um plano de celular com dois anos de fidelidade, ao custo de US$ 99. No final das contas, a Nokia está dando Lumias 900 para os consumidores.

A ideia da Nokia parece ser fidelizar o consumidor. Não sei como ela irá recuperar essse prejuízo, afinal, ela não recebe comissão das vendas dos aplicativos, se restringindo apenas ao crédito que a fabricante possui junto às operadoras. Afinal de contas, o valor total do aparelho é pago durante os dois anos de contrato, certo?

Lumia 900 avistado em Manaus

Durante esse mês (ou trimestre, talvez semestre), nossos editores Thiago Mobilon e Thássius Veloso contam suas experiências ao desbravar o mundo do Windows Phone no miniblog Abrindo Janelas. Você já viu do que eles estão elogiando ou reclamando?

Com informações: Computerworld, CNET.