Início / Arquivos / Telecomunicações /

Vivo expande acesso à rede HSPA+: novos planos, nova cobertura

Lucas Braga

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

A Vivo foi a primeira operadora no Brasil a lançar sua rede HSPA+, popularmente conhecida como 3G Plus. A velocidade é bem maior quando comparamos com as redes HSDPA convencionais: na prática, é possível atingir velocidades de até 6 Mbps. Entretanto, o acesso só era possível para clientes do RJ e SP que assinavam tinha o plano de 10 GB.

A operadora anuciou uma nova cobertura para a rede HSPA+: a partir de hoje, a rede estará disponível com cobertura nacional na nova rede — ou quase. Com exceção dos estados do Amapá e Roraima, todos os estados brasileiros contarão com o acesso à rede 3G Plus. Isso viabiliza maiores velocidades de acesso, especialmente para aqueles que estão no interior do país e não tem acesso à internet fixa em velocidades superiores a 2 Mbps.

Equipamento HSPA+ da Vivo na Campus Party

Os novos planos também destacam a expansão da rede: agora o acesso está disponível também em pacotes para smartphone, com novos valores e franquias de dados. Chamado de Vivo Smartphone Ilimitado 3GPlus (parece até nome de celular da Samsung), os pacotes de dados variam de acordo com o volume de minutos contratados. Os planos começam em R$ 99, valor que dá direito a 60 minutos de chamadas e pacote de dados de 500 MB. Não foram divugados preços para os outros pacotes — o de 100 minutos que conta com 750 MB de dados, e dos planos de 200 minutos ou superiores, com 2 GB de acesso.

Os novos planos não são ativados automaticamente — é necessário ligar para a central de atendimento para efetuar a mudança. Faz sentido: a franquia de dados aumentou em relação aos planos convencionais. No menor pacote, a franquia que era de 250 MB pulou para 500 MB. Consequentemente, o preço aumentou também.

É triste que a Vivo não tenha liberado o acesso para a rede toda, prática adotada pela  TIM e pela Claro. Acredito ser uma maneira de proteção à rede, de forma a garantir a velocidade de acesso para quem paga mais pelo serviço.

Com informações: Teletime, Convergência Digital.