Início » Arquivos » Aplicativos e Software » Firefox 14 ganha visualizador de PDFs nativo

Firefox 14 ganha visualizador de PDFs nativo

Funcionalidade está disponível na versão Nightly e utiliza HTML5.

Paulo Higa Por

Em 2010 o Google Chrome ganhou um visualizador de PDFs nativo, fruto de uma parceria com a Adobe, eliminando a necessidade de instalar um plugin adicional ou abrir o arquivo manualmente em um aplicativo à parte — muitas vezes pesado e cheio de falhas de segurança. Agora é a vez do Firefox seguir o mesmo caminho.

O recurso está programado para chegar ao grande público na versão 14.0 e já está disponível para testes pelos aventureiros de plantão. O visualizador é muito bem-vindo; além de deixar a tarefa de ler PDFs mais prática, diminui o risco de falhas de segurança, especialmente considerando que muitos usuários esquecem ou cancelam as atualizações do Adobe Reader, o software mais famoso do tipo. Com o plugin, a responsabilidade fica nas mãos da Mozilla e a atualização é feita automaticamente junto com as outras extensões.

Visualizador de PDFs nativo do Firefox

A extensão pdf.js utiliza recursos de HTML5 e JavaScript para renderizar os textos e as imagens do PDF. Como o arquivo é transformado em uma página comum, é possível utilizar o recurso de zoom do Firefox e pesquisar no conteúdo do arquivo com o atalho clássico Ctrl+F. O leitor também tem algumas funções legais, como uma listagem com as miniaturas das páginas do arquivo. Mas recursos um pouco mais avançados ainda estão faltando, como o preenchimento de formulários.

Se tudo correr bem, o Mozilla Firefox 14.0 com o novo recurso deverá ser lançado no mês de julho. Caso não queira esperar e nem instalar uma versão instável, baixe a extensão pdf.js no site de complementos do Firefox.

Com informações: gHacks.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Guido Piedade
Não acho legal quem só usa Chrome e outros navegadores falarem mal do Firefox, se nem ao menos tentam melhorá-lo enviando as merecidas sugestões já que trata-se de um software livre. Todos podem ser ótimos, mas o único livre é o Firefox.
Sergio
O fato de o firefox ser livre faz toda a diferença pra mim, já que quando resolvi aprender linux o sistema não tinha tantos recursos, e é por isso que eu nunca vou deixar de usar o firefox para usar o chrome, essa tarefa eu deixo para usuários windows, usuário linux que se presa não abandona o bom e velho firefox.
Vitor
Eu também! No Firefox 11 enviei um feedback reclamando sobre as páginas do Firefox e olha o 13 como está...
Jean
Muito legal Mozilla. Só faltou o post ressaltar uma coisa muito importante: é open-source, enquanto o visualizador do Chrome é proprietário.
Renatocookie
Será um bom recurso, assim espero.
@yagogabriell
Telinha? Tipo o Opera? Ainda não testei..
Yangm
Por isso que eu disse: "palavras de um chromeboy". Depois que fizeram aquela interface, tudo que colocam no firefox passou a ser "cópia" do chrome. Agora se copiaram ou não, pouco me importa.
@Jvmr1
mano, eu fico pedindo uma coisas lá... sei lá dai quando eu vejo, a nova versão tem algo parecido... me sinto um chefe! hahahaoehoaeh like a boss
Fer
A Google em si deveria se chamar Xerox!
ricardo
Não se diz copiar, mas "seguir as tendências". Além disso, o Chrome não é a coisa mais original que se conhece.
Kowalski
Pede uns "royalties" à Mozilla... :mrgreen:
Gb
Eles foram forçados pelo Chrome,tipo leigo/noob: "o Chrome ta na versão 13 e o Firefox na 4 ainda, logo o Chrome eh melhor."
alberto
Porque a 12 já está pronta (está no período de testes de estabilidade) e a 13 já não recebe novos recursos (só arrumam um bug ou outro).
othon
é claro que se for analisar que pdf é um formato comum e popular já faz uns bons anos tá é mais que atrasado um suporte nativo
@ricardoteixeira
Na versão 14? Estamos na versão 11, pq vao lançar isso só na 14? pq já nao lançam na 12? alias... achava bem melhor quando o Firefox lançava as novas versões em períodos de tempos maiores, com mudanças significativas na aparência do navegador. Hoje em dia corrigem alguns bugs e já chamam de versão nova, acho errado.
Exibir mais comentários