Início / Arquivos / Celular /

Sony não descarta trocar Android dos celulares por Vita OS

Paulo Graveheart

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Ao que tudo indica, há muito mais no lançamento do PlayStation Vita do que nós imaginamos. Em uma seção de perguntas e respostas com jornalistas, o futuro presidente da Sony comentou sobre a possibilidade de trocar o Android pelo Vita OS nos smartphones e tablets da empresa.

"Alô?"

A declaração veio de Kazuo Hirai, CEO e futuro presidente da empresa, que fez questão de comentar que não devemos esquecer que o Vita OS é uma plataforma móvel, e não serve somente para jogos.

Logo depois, o vice-presidente sênior da Sony, Yoshio Matsumoto, completou:

“Se você está perguntando se nós fizemos o Vita OS de forma que ele pudesse ser expandido e usado tanto em smartphone quanto tablets, ainda mantendo o alto grau de performance exigido em dispositivos de jogos: sim, é possível. Isso não quer dizer que nós usaremos o Vita OS nesses dispositivos nesse momento, mas que ele foi desenvolvido com essa possibilidade em mente.”

Os motivos para a Sony optar pelo Vita OS são muitos: apesar do número de aparelhos com Android ter crescido em 2011, a empresa reportou um prejuízo de 247 milhões de euros no mesmo período. Ou seja, o Android não está sendo exatamente lucrativo para a empresa.

Além disso, acredita-se que focar em uma plataforma própria para a empresa, focando em sua força no mercado de jogos, poderia ser um diferencial no mercado móvel. Pessoalmente tenho lá minhas dúvidas, principalmente no que diz respeito à necessidade de portar apps para essa plataforma.

Como sempre, só o tempo dirá.

Com Informações: The Verge