Início / Arquivos / Celular /

Samsung reconsidera decisão de não atualizar Galaxy S e Tab 7

Rafael Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Parece que foi ontem mesmo que a Samsung anunciou que não iria atualizar seus aparelhos Galaxy Tab e o Galaxy S para o Android 4.0, Ice Cream Sandwich. Mas não, foi sexta-feira passada na verdade. Apesar dos aparelhos mais novos da empresa já terem a atualização para essa versão confirmada, os mais antigos não iriam recebê-la por causa da dificuldade em rodar o TouchWiz. Agora essa decisão pode ser mudada.

Galaxy Tab 7 original: lançado em 2010, mas pode ser atualizado

A informação é desse site de notícias coreano, que diz que depois de ver a enorme quantidade de clientes reclamando, algo que só se equivaleria a uma marcha de pessoas furiosas na direção da sede da empresa segurando tochas e forcados, a Samsung estaria confabulando sobre a possibilidade de atualizar os dispositivos para a última versão do Android mesmo assim. A meu ver, isso deixa a Samsung com duas alternativas.

A primeira alternativa e, infelizmente, a mais provável, é de que a empresa apenas descubra uma forma de rodar a famosa e talvez bastante odiada interface TouchWiz de forma reduzida, sem sequer pensar na possibilidade de retirá-la.

A segunda seria entregar uma atualização pura, sem TouchWiz, disponibilizando, teoricamente, um Android livre de muitas modificações. Mas nesse caso, além da barreira da viabilidade técnica, existe outra: as operadoras. Os aparelhos que foram vendidos bloqueados e com customizações das telecoms ao redor do mundo poderiam, também teoricamente, terem essa customização alterada ou até mesmo removida. Basta que ela faça os acordos certos com as operadoras.

Ainda assim, essa é uma ótima alternativa para a empresa pelo seguinte: essa seria a primeira vez que uma fabricante de celulares Android atualizaria aparelhos antigos para retirar customizações.

Consequentemente, isso abriria precedente fantástico não só para a Samsung mas para a plataforma Android como um todo. Se a Samsung fizer os acordos certos, chutar o balde do TouchWiz e liberar os aparelhos antigos das amarras das customizações com a atualização para o Android 4.0, ela vai conseguir mais clientes e isso deve motivar as demais fabricantes a praticarem o mesmo com seus celulares antigos, para não ficarem para trás em relação à concorrência.

Não sabemos ainda (e não há nenhuma indicação) sobre que lado a empresa vai tomar. Mas vamos acompanhar essa história de perto e publicar seus desenvolvimentos ao passo que eles acontecerem.

E aí, o que você acha? A Samsung seria tola em liberar o update com o TouchWiz? Faz sentido liberar sem? Diga aí nos comentários.

Com informações: The Verge.