Início / Arquivos / Brasil /

Claro anuncia rede HSPA+ cobrindo todo o Brasil

Operadora promete velocidade média de 3 Mbps e picos de 6 Mbps.

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

E a corrida pela banda larga móvel de alta velocidade (na teoria) começa. A Claro acaba de avisar que vai oferecer o HSPA+ em toda a sua rede, cobrindo o Brasil inteiro. A operadora diz que não vai cobrar nada a mais dos consumidores ao oferecer internet a uma “velocidade média inicial” de 3 Mbps. De acordo com a Claro, o consumidor corre o risco de acessar a internet com picos de 6 Mbps.

A operadora chama a tecnologia comercialmente de 3G+. De acordo com o comunicado enviado para a imprensa, os clientes terão acesso à internet a uma taxa “até” três vezes superior à atual — considerando-se o download, como de costume. A cobertura inicial do serviço inclui 700 municípios, fazendo da rede da Claro a maior do Brasil com suporte à tecnologia.

Para chegar a esse resultado, a Claro teve que promover atualizações tanto no hardware como no software de sua rede. Em termos de software, a atualização permite transmitir mais dados por um mesmo espectro (salvo engano meu). Já no hardware, claro que a companhia precisava de equipamentos compatíveis com o HSPA+.

Diferentemente da Vivo, que oferece o HSPA+ somente para clientes de um dos diversos plano de dados (o mais custoso), a Claro informa que o 3G+ estará disponível para todos os clientes de planos 3G com dispositivo compatível com a tecnologia.

A Claro deixa muito claro que fez a atualização na rede para o HSPA+, mas está de olho no 4G mesmo. Diz Fiamma Zarife, diretora de serviços de valor agregado: “Essa tecnologia permitirá oferecer velocidade  com picos de até 6 Mbps antes da chegada do 4G.” Assim, sim.

Em apenas um ano, o tráfego de dados aumentou 40% na Claro. Para dar vazão ao volume de requisições, a empresa diz ter construído uma rede IP com mais de 8.500 roteadores e fibra ótica.

A Vivo anunciou rede HSPA+ em novembro, com comercialização exclusivamente em São Paulo, mas a rede está adequada para a tecnologia no Brasil inteiro. Assim como na Claro, promete velocidade de 3 Mega com picos de 6 Mega. Oi e CTBC por enquanto estão na promessa de fazer o upgrade em suas respectivas redes.