Início / Arquivos / Celular /

Google apresenta Currents batendo de frente com Flipboard

Aplicativo para Android e iOS possibilita ler conteúdo da rede com mais comodidade.

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Coincidência pouca é bobagem. Na mesma semana em que o Flipboard apresentou, depois de meses e meses de atraso, a versão do aplicativo para iPhone, o Google mostra um concorrente e tanto para ele. O Google Currents foi anunciado hoje como a forma ideal de consumir conteúdo no smartphone ou no tablet.

O funcionamento é praticamente o mesmo. Depois de fechar parcerias com nada menos que 150 empresas de conteúdos dos Estados Unidos, incluindo Gizmodo, CNET, All Things Digital e outros pesos pesados da mídia especializada em tecnologia, a gigante da web fica livre para apresentar esses conteúdos com uma roupagem um pouco mais agradável para quem quer ler no celular ou no tablet.

De início, o Google Currents está disponível para iOS e para Android. Em ambos, com versões especificas para tablet e celular. Isso quer dizer que de cara o Google já abraça uma enormidade de dispositivos compatíveis com o software.

Para entrar no aplicativo primeiro é preciso informar nome de usuário e senha da conta Google. O procedimento padrão, portanto. Dá para escolher as fontes de conteúdo a partir de categorias

Gostou de uma história? Assim como Flipboard, o Google Currents permite compartilhá-la em Twitter, Facebook, Google+ (naturalmente) e outros serviços. Incluindo o Instapaper, dedica exclusivamente a criar listas de futuras leituras que ninguém lê. Não tem suporte ao Read It Later, infelizmente.

Além das empresas parceiras, o usuário pode se inscrever em feeds RSS, usar o as assinaturas presentes no Google Reader e adicionar streams de pessoas no Google+, a rede social do Google.

Como bom mesmo é ser americano, o Google Currents está disponível somente para usuários “daquele país”. O termo vai entre aspas porque não consegui baixar o aplicativo pelo Android Market, mas consegui acessá-lo na App Store da Apple, na qual a minha conta consta como residente dos Estados Unidos.

Brinquei com o Google Currents no iPad. Realmente os recursos são bastante similares ao Flipboard. Entre um e outro? Questão de hábito e de escolha. Como o meu Flipboard tem integração com o Read It Later, fico com ele.