Uma companhia chamada Prolexic, especializada em vender soluções para proteção de ataques DDoS, divulgou essa semana números interessantes sobre um dos maiores ataques desse tipo já registrados no ano. Um ataque DDoS tem como objetivo tirar um site ou servidor do ar, inundando-o com requisições e impedindo que acessos legítimos aconteçam. E foi isso que aconteceu com uma empresa durante a semana de 5 a 12 desse mês.

h4x0r l33t com o iPhone (o nome da App é HackerType)

Segundo a Prolexic, um dos seus clientes (que não tem seu nome citado por causa de um acordo de confidencialidade) sofreu nesses sete dias o maior ataque DDoS já registrado em 2011. No total a empresa afirma que foram usados 250 mil computadores infectados com malware para atacar o site de comércio eletrônico do seu cliente, que foi inundado com uma média de 69 milhões de pacotes por segundo e atingiu picos de 45 Gb/s de tráfego de dados.

Uma segunda empresa do ramo de proteções contra ataques, chamada Arbor, não confirmou os números exatos da Prolexic mas disse à ComputerWorld que eles parecem ser consistentes com dados coletados nesse período. E eles também afirmam que esse não foi o maior ataque DDoS de todos os tempos: o título ainda é de um que aconteceu no ano passado e teve picos de tráfego na casa dos 100 Gb/s.