Ao lançar a ferramenta de importação de amigos do Orkut, o Facebook claramente tinha como objetivo roubar audiência da rede social do Google. Para tal, essa importação era feita através de um arquivo .csv criado através do Orkut e que continha o nome, email (informações suficientes para a importação) e alguns outros dados dos amigos de um usuário da rede. Menos de uma semana depois, a exportação foi desabilitada ‘por causa de um bug‘, mas reativada no mesmo dia.

Sem campo de email? FAIL.

Sem campo de email? FAIL.

Ontem no entanto, a gigante de Moutain View decidiu que vai tentar de todo modo impedir o êxodo de usuários do Orkut através de uma pequena modificação na ferramenta de exportação de amigos: o arquivo .csv criado não terá mais o campo de email, tornando-o praticamente inútil. Um porta-voz da empresa disse que isso foi feito para proteger a privacidade do usuário e afirma que ainda é possível exportar os emails de amigos através dos contatos do Google.

O porta-voz também disse que “exportar emails em massa não é algo padrão na maioria das redes sociais”. Essa última afirmação pode até ser verdadeira, no entanto, existem aplicativos e sites criados por terceiros que fazem essa exportação usando a API disponibilizada pela rede social. Por exemplo, o Facebook conta com a app Export Friends to .csv e o TwitterExport.com faz o mesmo para o Twitter. Talvez seja isso que esteja faltando: um programador com vontade o suficiente para criar um aplicativo que use a API do Orkut para exportar os dados que o Google insiste em não liberar. Algum voluntário?

[TechCrunch]