Início / Arquivos / Gadgets /

Microsoft patenteia tela sensível ao toque autolimpante

Rafael Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Ontem mostrei aqui um exemplo de inovação interessante em telas sensíveis ao toque, nascidas pelas mãos de pesquisadores da Universidade de Carnegie Mellon. O próximo exemplo desse tipo de inovação pode nascer pelas mãos da Microsoft, que registrou uma patente interessante para tais componentes de hardware: a gigante de Redmond quer tentar fazer com que as telas touchscreen sejam autolimpantes.

A patente descreve um método que usaria luz ultravioleta em conjunto com uma tela de LED para eliminar germes e bactérias da superfície de celulares e tablets. Esse tipo de luz já se mostrou eficiente para tal tarefa, mas nunca foi implementada em um gadget dessa maneira. E pode parecer uma tecnologia promissora, mas duvido que consiga limpar também as marcas de gordura e oleosidade que a pele humana deixa, então nada de deixar de lado o fiel pedaço de pano ainda.

Mas aí você, leitor cuidadoso com a sua pele, pergunta: “Mas as luzes ultravioletas não são as responsáveis por deixarem nossa pele bronzeada? Então essa tela pode, potencialmente, me deixar com a aparência de quem passou o dia na praia?” A resposta curta é não. A resposta longa é: não, por que não acho que a Microsoft usaria esse tipo de raio ultravioleta num gadget e também por que o sensor de proximidade seria o responsável por desligar esse tipo de radiação assim que percebesse algo se aproximando. Ou ao menos é o que se espera.

Por enquanto trata-se apenas de uma patente, ou seja: não tem data para chegar ao mercado. E se chegar é bem provável que apareça primeiro em tablets com Windows 8, já que a Microsoft não é boba nem nada e vai querer usar isso como diferencial para vender seus gadgets.

Com informações: Gemind.