Início » Arquivos » Brasil » SKY anuncia rede 4G para outubro

SKY anuncia rede 4G para outubro

Lucas Braga Por

Faz poucos dias que a presidente Dilma Rousseff anunciou a presença de redes 4G no Brasil antes da Copa do Mundo. Pois bem: aproveitando os subsídios, a SKY correu atrás e irá montar sua rede de quarta geração. Para isso, fechou um acordo com a Telebrás, que será a fornecedora do link para o início da operação.

Seja lá o que isso quer dizer, a internet também vai ser "isso".

A primeira cidade da América Latina que irá receber cobertura 4G é Brasília. O serviço tem previsão de ser lançado ainda em outubro. O fato de Brasília ser a primeira cidade a receber cobertura é que, em 2008, a Sky adquiriu a empresa ITSA, que operava em MMDS no Distrito Federal.

Uma das razões para a compra era conseguir essa licença (cobiçada na época) para a atuação em serviços WiMAX. Como a tecnologia fracassou e o LTE utiliza a mesma frequência de operação, a Sky poderá usar a licença já adquirida para atuar em 4G. Só que essa licença não é válida em todo o território nacional, então seria a única forma de lançar o serviço sem ter que aguardar os leilões de espectro.

O gerente geral de infraestrutura da operadora afirmou ao Convergência Digital que, devido ao PNBL, a Telebrás possui uma rede com enorme área de atuação, e esse foi um dos fatores que irão viabilizar o lançamento do serviço. Entretanto, a parceria com a Telebrás não tem nada a ver com o Plano Nacional de Banda Larga — embora eu acredite que futuramente isso possa mudar, por causa da massificação de TV por assinatura paraas classes C, D e E.

Acredito que a Sky está tentando correr contra o tempo: a GVT TV foi anunciada e será comercializada em breve. Oferecer internet é forma de conseguir melhorar seu serviço e conter os clientes, senão, migrações em massa ocorrerão para a operadora da felicidade.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Bestknighter
Achei que só eu tinha pensado isso, principalmente depois de ler os primeiros comentários.
@elzobrito
Marcos, Sei disso, foi por isso falei que vai ser fixa, é que quanto se pensa em 3G pensa em mobilidade, como foi anunciado o 4G a idéia seria a mesma, mas neste caso não é.
Marcos Roberto
É, não. Só PODE ser usado como banda larga fixa. Eles não estão explorando "celular" (SMP), mas o Serviço de Comunicação Multimídia (SCM). Logo, só tem mobilidade restrita (dentro da mesma ERB). Isso inclusive está expresso no ato de autorização da anatel pra eles...
Marcos Roberto
Embora o serviço de comunicação multimídia vá ser provido através de radiofrequência, não vai haver mobilidade. Você vai ficar preso a sua ERB. É meio o que acontece com aqueles telefones fixos da TIM.
@elzobrito
Conheço um cara que trabalha na Sky, ele falou que vai ser uma bosta; caro, em média R$80 por 2mb, e não vai ser móvel, você ter que usar o modem meio grande, segundo ele é para ser usado em casa como banda larga fixa.
Ramon Melo
Problema é da Dilma, vou continuar falando "presidente". Se ela tiver algum problema, que resolva com minha "representanta".
Tonobohn
A própria Dilma já disse que prefere "Presidenta": http://glo.bo/hBapKl
Vinnicius Araújo
Agora saber se os preços da rede 4G da Sky serão acessíveis... é outra história.
Marcelo
Quero só ver se vai ser igual o 3G que é mosca branca de encontrar pra usar
Yangm
Então eu sou um comentaristo.
@brunogdb
Eu xinguei pensando e gritando.
Thiago Sabaia
Tomara que não fique fora do ar quando chove igual a Sky.
@tidebone
"presidenta" está errado sim!
JOÃO PAULO
simples, resolve mudando a tecnologia do aparelho.
JOÃO PAULO
4G ou banda larga? Banda larga não é um tipo de conexão não, é um meio de dizer que você não tem internet discada, ou seja, qualquer tipo de conexão (cabo ou sem fio, ADSL, Fibra ótica, wi-fi, ...) que tenha banda (velocidade) acima da discada (56 kbps) é banda larga. Celular 4G (tem isso na matéria).
Exibir mais comentários