Quando Julian Assange e a sua equipe no WikiLeaks enviavam as informações dos vazamentos para a imprensa, era feita toda uma triagem com a remoção dos nomes de alguns dos envolvidos (nomes que poderiam causar danos sérios a alguém, inclusive ameaças de morte).

Para evitar que isso ocorresse, tanto Assange quanto a comunidade envolvida filtravam as informações antes de enviar para a imprensa.

Recentemente, porém, foi descoberto que toda a coleção do WikiLeaks, contendo mais de 250 mil documentos diplomáticos está circulando em um arquivo cru, sem filtros nem análises prévias, e totalmente sem edição. Gerou críticas não apenas do governo dos Estados Unidos, mas também de outros governos e da própria equipe do WikiLeaks.

Julian Assange, criador do WikiLeaks

Segundo David Leigh do jornal The Guardian, a relação entre a imprensa e o WikiLeaks era “baseada em um contrato que permitia à imprensa redigir os artigos antes de publicá-los, e que nenhuma informação seria publicada se não passasse por esse processo, a fim de evitar que informações pessoais e que pudessem colocar as pessoas envolvidas em risco fossem publicadas”.

Tanto Assange quanto o WikiLeaks dizem que o culpado por esse vazamento é o The Guardian. Mais especificamente o próprio Leigh, por ter publicado em um livro sobre a organização uma senha que permitia o acesso a todas as informações dos documentos.

Até mesmo o militar acusado de colaborar para o vazamento das informações, atualmente em prisão militar dos Estados Unidos, está (dizem…) desacreditado com a organização.

Mesmo que isso signifique o fim do WikiLeaks, o site já alterou em muito o modo como enxergávamos certos fatos, além de dar visibilidade e derrubar muita gente. Sempre apoiei a organização e vi os benefícios que as suas publicações causaram no mundo.

Vivemos uma época em que “segredos de Estado” que protegem apenas ao interesse do governo (ou a chamada “segurança nacional”) não são mais tão confidenciais assim.

Com informações: NPR

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Caio Furtado
Como a hipocrisia reina nas interwebs.
@josé
E agora? Esse bandido tem que se fv|>3r... Pimenta no cru dos outros é refresco !!
Yeltsin Lima
LOL WUT
@JoaoSouza
Talvez o pessoal não se recorde, mas o Wikileaks liberou um arquivo [criptografado], um "seguro", para caso qualquer coisa acontecesse, eles dariam a senha dele e todas as informações do Wikileaks seriam reveladas. O problema foi que, segundo a Notícia, o "The Guardian" liberou a senha desse arquivo... Ou seja, todos que tinham o "seguro" do Wikileaks, podia acessar ele sem problemas.
josé
Não sei!!!! kkkkkkkk
Joao Web
Será o final da Wikileaks? falando nisso, pq a wikileaks não publicou nada da Libya?
Turdin
É porque o Luis é o capitão, UAEHuHAEuHAEUE
Victor Hugo
Quem deixa vazar informações, está ciente do risco, quando alguns alemães ajudaram judeus a se esconder e a fugir do nazismo, estavam cientes de que se os nazistas descobrissem, iam sofrer horrores nas mãos deles, mas ninguém deixa de fazer o que é certo, por medo das consequências, a gente se arrisca... Claro que vazar coisas pelo wikileaks é e sempre houve um risco, o que eles fazem, é tentar minimizar esse risco, proteger ao máximo as fontes, e as pessoas, mas, infelizmente, isso é impossível. Só que o wikileaks não precisava nem existir, e ninguém precisava correr estes riscos, se os governos que se dizem democráticos fossem realmente transparentes e não fizessem tanta sujeira nos bastidores, e a culpa é de quem deixou vazar? Ou de quem tem algo sujo a esconder?
Victor Hugo
Devia ler libertinagem, de Manuel Bandeira, e ver que a liberdade e a libertinagem não são antagônicas, nem a libertinagem é negativa, a falácia dos liberais sim, é negativa, de quem pode, pode tudo, você não é livre quando pode tudo, e sim quando não faz algo ruim apesar de poder fazê-lo, usa seu livre arbítrio para fazer um bom julgamento, o real problema é a falta de transparência dos governos que se dizem democráticos mas fazem sujeiras nos bastidores, se não fosse assim, não haveria necessidade alguma de um wikileaks... Claro que vazar informações envolve riscos... Mas é como a imprensa livre, envolve risco de mal entendidos, de espetacularização das noticias, mas é melhor uma imprensa livre ser libertina, do que haver censura...
Thiago
Acho q n é LuizSec n em kbça... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Lulz Sec.
Albert Guedes
O problema é, até que ponto o estado deve disponibilizar suas ações sem que isso comprometa suas políticas legais e acabe favorecendo somente a mídia sedenta por informações que permitam vender muitos jornais. A mídia não é mais inocente do que os estados, então devemos tomar cuidado com o que ambos dizem.
Pastor: Adriano Felipe
Julian Assange, esse cara tá encrencado, quer revelar o que está em oculto e escondido, isso é perigoso - Assange cuidado - Vc está indo por um caminho sem volta!!!
Jorge
Pois é... o problema é que todos acreditam que existe liberdade de imprensa, mas, na verdade a liberdade é só para os donos das empresas de comunicação. Não existe liberdade de imprensa, essa estoria é só pra enganar o povo. O que existe é liberdade para a imprensa, eles querem o direito de bisbilhotar tudo, mas só divulgam quando é conveniente e lucativo.
Marcelo
Toma no cebolão agora!
@denys_abner
Num tem que ter miserinha não.. Tem que publicar isso tudo é cru mesmo... Ahh, fuck this shit... Anonymous e LuizSec, senta o dedo nessa PORRA! (By cap Nascimento)
Exibir mais comentários