Início / Arquivos / Internet /

Flickr lança cerca geográfica digital para proteger privacidade

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Os filtros geográficos são a nova ferramenta apresentada hoje pelo Flickr. É bem verdade que o site de fotos, uma propriedade do Grupo Yahoo, não tem sido sinônimo de inovação nos últimos tempos. Entretanto, de olho na privacidade e segurança de seus usuários, eles lançam um recurso até que bastante interessante.

Com muitas fotos hoje em dia contando com localização geográfica (ou geolocalização, termo muito usado por aí) de forma nativa ou adicionada posteriormente pelo usuário, o Flickr atentou para o problema da privacidade. Imagine, por exemplo, que você faça fotos na sua residência e, depois de enviar essas imagens para o Flickr, qualquer usuário tenha acesso à localização exata de onde você mora. Isso não acontece mais com a chegada dos filtros geográficas.

Cerca geográfica digital para proteger privacidade

A partir da página de privacidade do Flickr, o usuário pode ajustar o que a empresa está chamando de cercas geográficas (as geofences na terminologia em inglês). Primeiro o internauta define um ponto principal no mapa, e depois informa o raio no qual a privacidade geográfica vai funcionar. Todas as fotos que estejam localizadas naquela área específica contam com um ajuste de privacidade diferente — por exemplo, somente amigos e familiares podem saber a localização exata das imagens.

“Todas as vezes que você adicionar uma geotag que remeta à localização de um filtro geográfico, ela será exibida de acordo com as configurações de privacidade que você determinou para aquela área”, informa o Flickr.

Conforme mais as pessoas vão usando a internet para compartilhar momentos da sua vida particular, mais comuns serão ferramentas como as cercas geográficas do Flickr. A tendência é que tenhamos total controle sobre o que os outros podem ver acerca de nossa movimentação na rede — embora os serviços web utilizem todas essas informações para apresentar os anúncios publicitários de maior relevância para o perfil de cada um. É o preço que se paga na era digital.