De tempos em tempos a Microsoft precisa apresentar ao mercado diversos relatórios com informações relevantes para investidores, clientes e parceiros. E uma dessas informações é justamente uma lista dos principais concorrentes em cada área de negócios. O último relatório entregue por eles teve certas menções ao Linux removidas. Uma mudança de visão ou um erro sério ao menosprezar o “inimigo”?

A mudança no relatório, vista na imagem abaixo, está gerando muita discussão justamente pela troca de concorrentes. Antes na lista constavam os nomes da Apple, do Google e o sistema operacional Linux, e agora mudou para “principalmente Apple e Google”. A menção a Linux e ao software livre foi removida.

A mudança do relatório entre o ano passado e esse ano. Menções a Linux removidas

Há muito o que se discutir nessa mudança, mas não podemos deixar de notar algo interessante: o Google ainda é visto como um concorrente. Agora, o ChromeOS que o Google vem desenvolvendo não é essencialmente… um sistema operacional Linux? A Microsoft não estaria menosprezando um player em potencial que pode aparecer a qualquer momento em uma oferta de um concorrente? Ou será que a empresa está planejando diversas mudanças e até mesmo pretende agir mais próxima à comunidade de software livre? Por enquanto são apenas especulações.

De qualquer forma, o Linux ainda é citado em outras seções do documento. No que diz respeito a servidores e sistemas embarcados a Microsoft ainda encara o Linux como concorrente.

Com informações: Business Insider.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Getulio
Eu trabalho a 4 anos com desenvolvimento de software para absolutamente todo tipo de empresa, de gigantes da indústria mundial à padaria da esquina (literalmente para ambos). Até hoje, servidor ou não, a porcentagem de infraestrutura Linux que eu tive que usar foi de 0%, nada, necas, coisa alguma. A impressão que eu tenho é que o Linux deixou de existir pra mim fora da faculdade. Aparente mente nenhuma da empresas com que eu tive contato leva nem de perto a sério a ideia de ter qualquer coisa rodando em algo que não seja Windows. A coisa mais próxima de Linux que eu já tive contato com o desenvolvedor era um protótipo Android e só. Da companhia para a qual trabalho o único sistema em que já perguntaram se algum software nosso roda era MacOS, Linux nunca. Essa historinha que o povo do software livre passa de que o Linux foi concorrência pro Windows algum dia no desktop nunca passou de balela, certamente no servidor o market-share Linux é considerável, mas não por que o sistema realmente seja melhor (não discutindo mérito técnico, só comercial) e sim por ser gratuito, só paga por suporte quem quer e a maioria não paga....
Wendel Silva
Sou usuário do Linux Ubuntu há mais ou meno 3 anos e meio, tanto no desktop quanto no meu notebook. Não sou expert como muitos aqui do blog, mas tenha certeza de que estou satisfeito com ele e não penso em voltar a utilzar o windows tão cedo.
Vinnicius
Propaganda é a alma do negocio. MS é "pop" e só.
Rafael
Nossa reiniciar a máquina é mesmo terrível acho que é por isso que o Linux tá dominando.
Sylvio
Linux em desktop? Vocês me fazem rir.
Victor
@elzobrito, O OO não se compara no que ao M$ office?? Na quantidade de bugs??? Ele tem muito mais funções, como gerar pdf nativamente
@erick404
"Também rodam em OpenGL, é só os desenvolvedores não serem preguiçosos." Desculpa, mas que comentário imbecil. Desenvolvedores trabalham, e precisam ser pagos. Empresas pagam desenvolvedores, e precisam ter lucros. E normalmente não vale a pena investir uma grana pra desenvolver jogos compatíveis com Linux se isso representa menos de 1% do mercado.
@erick404
Discordo muito... eu me propus a usar o Ubuntu por um tempo, e depois de alguns meses, não aguentei os bugs e as dificuldades técnicas. Não é pq eu sou formado em computação que tenho que achar divertido mexer em arquivos de configuração com frequência. Hoje faço tudo que posso no Windows. Não tenho mais apt-get, mas em compensação não preciso ficar vasculhando a internet pra achar a resposta de como solucionar um problema besta do SO.
@imaginarymac
Cara , deixa de louco ~ Realmente o mercado de computadores pessoais começou errado , mas , mesmo errado não havia outra forma de começar. Olha , a maioria da população não arrisco nada dizer 80~90% dela , precisa de um computador apenas para entrar em redes sociais , fazer trabalhos , jogar , ouvir músicas , e baixar filmes , seríados ou animes. Se o Mac com o seu iLife e Apps , iWorks , iTunes e QuickTime , e suas imensas placas de videos conseguem fazer isso , já estão a escolha da grande massa , mas se os 10/20% ( que eu duvido muito que seja tudo isso ) , quer um computador pra programar , script , etc. ai , já não é problema da Apple muito menos da Microsoft que já tem seu espaço mais do que garantido , cocorrendo contra uma empresa que se destina ao público Classe B/A , em um lugar como o Brasil onde Pessoas que ganham menos de 10 salários minimos são 90% da população .
Guilherme Mac
Sim, até mais. Esses mensageiros são muito bons. Se não gosta é questão pessoal, não é problema com os mensageiros do Linux.
Guilherme Mac
São Linux num sentido amplo. Qualquer empresa pode pegar o kernel e fazer modificações. Tanto que a Red Hat e Oracle, por exemplo tem suas próprias modificações, assim como empresas que fazem sistemas embarcados. O kernel é totalmente diferente de distribuições Linux para desktop: http://sinapseslivres.com.br/2010/08/entendendo-o-que-e-linux-gnulinux-e-distribuicao-linux/
Guilherme Mac
Mac OS X é UNIX. Seu kernel foi baseado no BSD.
Guilherme Mac
Não é isso que pensam os desenvolvedores a respeito de seu comentário, Yangm
Rodrigo Fante
Oggy, amigo, não vou nem falar da usabilidade, que o Photoshop tem muito melhor, no número de ferramentas/filtros etc, mas testes de benchmark mostram a diferença absurda de performance entre eles, e performance muito maior no photoshop = menos tempo fazendo um trabalho = menor custo = maior lucro = melhor ferramenta para trabalho.
@matheusserp
Exato! Usuarios diferentes/contextos diferentes/propositos diferentes! Se voce for muito Windows-fag vai acabar perdendo oportunidades profissionais ( no caso de programadores e pessoas relacionadas a informatica) e se for Linux-fag vai perder muitas coisas de mercado e até profissionais, pq nao?
Exibir mais comentários