Uma maneira de soar extremamente confiante sobre um produto seu é dizer que ele vai ajudar a substituir uma enorme fatia da indústria de jogos. Mas a Qualcomm não tá nem aí. Eles realmente acreditam que os dispositivos móveis que tiverem a próxima geração de processadores Snapdragon estarão tão a frente da concorrência que podem substituir consoles atuais. Ou ao menos é o que indicam numa apresentação da empresa que vazou na semana passada.

Apresentação mostra Wii, PS3 e Xbox sendo chutados para escanteio | Clique para ampliar

A imagem mostra os três grandes consoles atuais, o Wii, Xbox 360 e PlayStation 3, sendo substituídos por dispositivos móveis com o Snapdragon S4, que deve ter frequências de operação na casa dos 2,5 GHz. Esses processadores seriam usados não só em smartphones como também em tablets, que devem se conectar às TVs para chutar a bunda dos consoles atuais. Eles serão oferecidos tanto em modelos quad como dual core. e devem começar a ser produzidos no começo do ano que vem.

Enquanto já vemos grande parte dos desenvolvedores de jogos notarem o potencial das plataformas móveis, não acho que eles têm planos para ajudar a Qualcomm a substituir consoles, já que eles ainda representam a maior parte do lucro. Então vai ser difícil que isso aconteça, embora eu não duvide que as duas plataformas de jogos continuem a coexistir lado a lado, sempre pacificamente.

Com informações: Techradar.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Douglas
Acompanho os video-games desde a era 8 bits e não há nada mais legal do que saber que tem consoles com novo hardware chegando no mercado, colecionar games dos consoles e poder contar história. E legal ver as gerações de video games evoluindo, acho muito dificil os consoles serem substituidos, isso decretaria o fim da industria de video-games. Acho que os phone-portateis serem uma opção a mais para os gamers mas não substituirão os consoles, já imaginaram uma E3 sem video games ? Pessimo em.... Toda geração de video-games é um circulo vicioso e quando chega no fim todos ficam na euforia para ver novos consoles no mercado, isso é uma das melhores sensações que um gamer pode ter.... O que vai acontecer é que a próxima geração vai durar no mínimo o dobro da atual, porque a evolução será muito satisfatória.... Voto NAO contra o fim dos consoles de mesa....isso é boato.
C. Emanuel Laguna Jr
Agradeço ao caro Rafael Silva pela correção já feita no post e gostaria que a moderação ignorasse um comentário duplicado pedindo a mesma correção: sempre me esqueço que tenho que evitar a colocação de links nos comentários… Sucesso aí, pessoal! ;-)
Caio Furtado
Smartphones são ótimos substitutos pros consoles portáteis, acredito que um dia irão substituí-los...
@AntonioVeras
Aplicativo para Android permite usar joystick para jogar games no celular http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2011/08/aplicativo-para-android-permite-usar-joystick-para-jogar-games.html
C. Emanuel Laguna Jr
Caro Rafael, o separador decimal no idioma português é a vírgula, não o ponto: o correcto é 2,5 GHz; lembra? :mrgreen: Sei que sou chato em corrigir esse tipo de detalhe, mas se nosso idioma possui uma forma exata de escrever tal notação, seria obrigação de nós brasileiros mantermos tais valores na internê: quando tecnologia é levada a sério, bom se preocupar com esses detalhes, tudo bem?
Demerson cavalcante
...acredito naquele que gosta de desafios....eu tmbm gosto ..... desafios de verdades como esse que esta pra acontecer.....sao bom demais para o avanço technologico....satisfará nossos horizonte e prazer em adiquirir processamento em massa para consoles...ehhehe muito bem... as empresas de eletronicos e infrmatica...tipo tablet e telefonia e outros....precisam deixar de lado "so eu posso"...hj nao adianta muito......precisamos sim é de muito gadgets audaciosos...com processamento capaz de fazer coisas que ja era possivel de ser feitas....enrolacao nao ajuda em nada no desenvolvimento da nossa raça...vamus la empresas de grande porte...! abram o bau maluco....sabemos que tem muito mais pra fazer.....
@pqpzao
realidade aumentada aí vamos nós!
Diones Reis
Já que é pra ser saudosita, deixa eu dar o meu relato dos bons tempos em que reuniamos os broders, pra jogar Dragon Ball Z 2 no SNES, regado a Coca-Cola, biscoito recheado e salgadinhos. :-D
@brunogdb
E quando a gente juntava a grana pra ir na locadora alugar a fita de Super Nintendo para acabar com os Cheetos e Fandangos com Coca-Cola na casa de algum amigo :/.
@higgorleimig
é isso aê :D E com cyanogem mod nem tem lag xD
Ramon Melo
A Qualcomm é uma verdadeira piadista.
Ramon Melo
É fácil falar isso no fim da geração dos portáteis, que não se renovam anualmente como os smartphones e tablets. Quero só ver se isso se mantém quando sair Uncharted e Little Big Planet no PS Vita e Mario e Pokémon no 3DS. Aliás, vai ser bem interessante concentrar os jogos nos smartphones, a bateria deles dura taaaanto...
Breno Caldeira
DS e PSP que se cuidem... :D Mas os consoles de mesa, não acredito que irá acontecer, pelo menos no modelo atual: esses processadores em tablets ou smartphones. Primeiro, as fabricantes teriam que investir pesado nisso, não criando só jogos casuais. Além disso, tem que criar jogos que funcionem tão bem no touch quando em algum controller. O que certamente dificultaria o desenvolvimento e prejudicaria a experiência do usuário. (só lembrar dos ports malditos de jogos de console para PC, Devil May Cry é injogável :D) Segundo ponto, teria que existir um excelente controller (e padronizado) para os aparelhos. E terceiro, quem iria comprar um celular pensando em jogar com ele? Imagina... vc tá lá no quente, detonando no Cod! online! \o/ alguém te liga... vc é desconectado :D Fino! Ou vc ter que ficar offline do celular, ficar incomunicável para jogar.
Gabriel
Num futuro bem distante sim, por enquanto duvido muito.O único jeito desse cenário ocorrer, na minha visão, é se os consoles não avançarem em poder de processamento. Os consoles estão em ascensão. O uso de PC Gamers está decaindo por causa do preço e incorporação de vantagens exclusivas como as redes online PSN e Live, além das produtoras darem menos importância a plataforma por causa dos altos custos da produção de games atualmente. Um Playstation 4, Xbox 720º terá um poder de processamento muito maior que um smartphone por um motivo simples: tamanho. Se utilizarmos a mesma arquitetura dos smartphones em consoles, teremos mais espaço para colocar força bruta com menos problemas de refrigeração e consumo energético. Esse, inclusive, é o motivo dos notebooks gamers serem caros, grandes e a bateria ser um acessório para você trocar de mesa com ele ligado.
Emmanuel Fotógrafo
Bem legal mesmo...
Exibir mais comentários