Início » Arquivos » Aplicativos e Software » Proteção anti-cópia do Windows Marketplace é 'ridícula', diz desenvolvedor

Proteção anti-cópia do Windows Marketplace é 'ridícula', diz desenvolvedor

Avatar Por
Epic?

Epic?

Uma das preocupações que companias tem que ter ao abrir uma loja online de aplicativos é instalar um sistema de DRM (ou proteção de cópia digital) para impedir que os programas baixados sejam redistribuídos gratuitamente. Em outras palavras, para impedir a pirataria, o programa precisa ser bloqueado para uso apenas em aparelhos registrados.

A Apple, por exemplo, utiliza uma proteção chamada Fairplay para vídeos vendidos pelo iTunes, bem como nos programas da AppStore. Já a Microsoft, prefere confiar no seu fraco sistema de arquivos. É nesse sistema que o Windows Marketplace, loja de aplicativos para Windows Mobile 6.5, é baseado para impedir a pirataria. E segundo a pesquisa de um desenvolvedor americano, ele não passa de uma enorme piada.

Ao comprar e baixar um programa, o usuário do Marketplace recebe um arquivo .cab que instala o aplicativo baixado no seu dispositivo. Esse arquivo .cab é o mesmo para qualquer usuário, por isso a ‘proteção anti-cópia’ trata de deletá-lo assim que o programa terminar de ser instalado. Entretanto, o usuário Chainfire do fórum XDA-Developers que diz ser um desenvolvedor da plataforma, conseguiu fazer com que o arquivo fosse copiado para outra pasta antes de ser apagado, quebrando o DRM.

Para evitar problemas judiciais, ele não revela qual o método usado para fazer a cópia, mas diz que os piratas vão descobrí-lo em um dia ou dois. “Eu sei que não existe proteção anti-cópia perfeita” ele completa, “mas isso é apenas e simplesmente ridículo”. Eu concordo, Chainfire. [Engadget]

Comentários

Envie uma pergunta