Desde o primeiro trimestre do ano passamos a publicar aqui no TB (depois de vários pedidos dos leitores) algumas das estatísticas percentuais das nossas visitas. Fizemos isso apenas a título de curiosidade, para mostrar ao menos parte do perfil de quem acessa o Tecnoblog e parte do que ele usa nesse acesso. Você pode conferir aqui as estatísticas do primeiro trimestre desse ano, mas se quiser ver os números do segundo trimestre (1º de abril a 30 de junho de 2011), siga lendo esse post.

Navegador: Chrome aumenta a vantagem

Enquanto no primeiro trimestre uma divisão bem clara existia entre o Chrome e o Firefox, os visitantes do TB claramente escolheram um lado. Mais especificamente o lado do Google. Enquanto no trimestre passado o Chrome tinha 32,80%, ele passou a ter 37,67% da fatia de visitantes, angariando principalmente usuários do Firefox e Internet Explorer, que perderam 2 e 3%, respectivamente.

O Safari teve uma pequena queda, mas bem pouca significativa, de menos de 1%. O Opera também sofreu uma queda mínima de número de usuários, mas ele continua a ocupar a posição de sexto navegador mais usado por leitores do TB.

Sistemas Operacionais: Windows ainda lidera

Com 82,15%, o Windows continua a ser o principal sistema usado por visitantes do TB. Não há muita surpresa aqui, visto que ele é o mais usado no mundo. Dentro desse universo, o Windows 7 também continua na liderança, seguido do XP e do Vista. Curiosamente, nesse trimestre tivemos 14 visitas de pessoas usando o Windows ME e 4 com 95. Máquinas virtuais?

Nesse trimestre, pessoas usando alguma versão do Mac OS X contabilizaram por 5,90% das visitantes, enquanto que aqueles usando Linux representaram 4,21%. Uma mudança não-esperada, ao menos por mim, foi em quem tirou o BlackBerry OS do 10º lugar: a Nokia.

Mobile: Android cresce mas ainda não vence iPhone

Você já acessou nossa interface mobile? Muitos visitantes do TB já. E a maioria deles usava iPhone, com 32,87% de visitantes no segundo trimestre. Se contabilizados todos os aparelhos com iOS, os dispositivos móveis da Apple permanecem na liderança e parecem que vão continuar por um bom tempo, principalmente pelo aumento de visitas de iPads e iPods.

O Android ainda ocupa o segundo lugar, mas ganhou 4% em relação ao trimestre anterior e hoje contabiliza 26,39% das visitas totais, enquanto que o iPhone perdeu pouco mais de 3%.Com exceção das visitas partindo de aparelhos BlackBerry e Nokia, que inverteram de posição em relação ao trimestre passado, não houve nenhuma grande mudança. Apenas uma queda já esperada no uso de sistemas com Symbian OS.

Nota | Os dados apresentados nesse texto são referentes ao segundo trimestre de 2011, tendo o Google Analytics como fonte.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Turdin
Creio que não hein
Victor
Vai chegar sim. Espere o Wine no Linux e no MAC rodar 100% das aplicações de rWindows e não ser tão chato de configurar. Ninguém usa rWindows por ser seguro, estável ou rápido, como acontece no Linux e no MAC, inclusive eu. Vou ficar no dual boot até o WinE rodar 100% das aplicações de rWindows sem ser tão chato de configurar....
Rardgi
Boa, não tinha olhado por esse prisma. Bem colocado...
@CylonZeh
Uso o Rockmelt e é muito bom. É um Chrome com recursos para redes sociais (twitter, facebook). Um problema do Rockmelt é que não tem uma versão portátil. Mesmo salvando dados na nuvem, teria que baixá-lo nos computadores que não são meus (e eu não vou ficar baixando isso em computadores que não são meus, principalmente se eu for o único a usar). uando não posso usar Rockmelt, uso o Chrome.
Gabriel
Não sei se você já usou o RockMelt, mas é QUASE a mesma coisa do Chrome (enfatizo o QUASE).
Gabriel
Vide comentário acima (ok, respondi tarde, mas concordo com você). Porém, eu nunca consegui me adaptar ao Chrome (nem por isso o achei ruim, ruim é o IE6).
Gabriel
E você conheceria o navegador se não fosse constantemente o Google jogando em sua cara que ele existe? E claro, a medida em que as pessoas utilizam, eles sabem o que precisa ser melhorado e simplificado... Marketing forte NÃO é sinônimo de que o produto seja ruim; uma coisa sem a outra também não funcionaria.
Ramon Melo
Heavy users??? Costumam ser os primeiros a piratear, isso sim!
Ramon Melo
Podia vir também com uma busca através do histórico que prestasse, como a que existe em qualquer bom navegador há anos, e respeitar mais a privacidade dos usuários. Mas quem liga para privacidade nos dias de hoje?
Ramon Melo
o/
Gabriel
Acho que não, muitos devem comentar utilizando o computador da empresa e, com a grande crescimento do uso de notebooks, justifica-se menos o uso de um Windows falso já que costuma vir instalado. E creio, pelos menos espero, que heavy-users tenham um pouco mais de consciência em relação ao uso software pirata.
Caio Furtado
Parece que sim.
Lucas
Se estivesse no notebook também estaria com vocês
Jairo
É bom ver a Microsoft provando seu veneno... sentir o gosto do que fizeram com o Netscape anos atrás outro dado esmagador e absoluto e a quantidade de acessos via Windows apenas uma parcela inexpressiva acessa usando MAC, o acesso mobile já era de se esperar esse resultado.
j2k
hauahuhua!! :P
Exibir mais comentários