Essa história de ir para show com câmera digital ou celular para gravar as músicas mais bacanas pode estar com os dias contados. Se depender da Apple, os aparelhos rodando iOS terão como detectar quando o ambiente não permitir a gravação de conteúdo com copyright. Uma patente registrada pela companhia em 2009 e concedida somente agora prevê o uso de infra-vermelho para isso.

Imagem demonstra funcionamento do dispositivo

A tecnologia de infra-vermelho não é exatamente nova. Os controles remotos mais antigos já contam com essa forma de troca de dados, que inclusive foi usada em alguns celulares (a Nokia que o diga). A patente da Apple descreve o uso de um sensor de um infra-vermelho para iPhone, iPod Touch e iPad 2. Aliado à câmera desses dispositivos, o iOS poderia verificar se há algum aparelho no palco ou no ambiente emitindo sinais de infra-vermelho com a proibição para gravar.

Caso a gravação não seja permitida, o iPhone simplesmente ficaria impedido de usar o aplicativo de câmera de vídeo (qualquer um que utilize esse componente de hardware). A Apple prevê o uso da tecnologia em casas de shows, salas de cinema, teatros e demais localidades onde o conteúdo esteja potencialmente protegido por direitos autorais.

No entanto, nem tudo nessa patente diz respeito à pirataria e proteção de copyright. O infra-vermelho também poderia ser usado num museu para enviar dados complementares sobre uma determinada obra que esteja perto do dispositivo (os conceitos por trás dela, por exemplo). Nada que um simples acesso à internet não resolvesse, porém.

Com informações: Patently Apple.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@roneamabile
seja breve e econômico.. pois pode ser retroativo
@Derp
Uh... esparadrapo/fita isolante... na lente da camera do iPhone?
Tiago C. Araújo
Espero que fique realmente patenteado para brinquedinhos multimidia APPLE, e que os concorrentes fiquem proibidos de usar esse tipo de sistema rsrssrrsrsrsrrsrs.
Thiago Sabaia
Uma coisa para colocar na minha agenda: Thiago Sabaia lembrar de comprar um Android em vez de um iPhone.
@AntonioVeras
http://www.youtube.com/watch?v=Hoc_uF-cF0Q
Jonas Rafael Rossatto
Essa de gravar só o que deixam não vai pegar. #certeza
Rod
Apple = arrogântes
Lucian
Pessoal... isso se trata do SISTEMA...e se isso fazer sucesso não soh nos aparelhos da apple mas em outros tbm... quando a banda quiser ser gravada por publicidade, ela não vai instalar o sistema de infravermelho no palco emitindo sinais de proibição de gravação de material COM DIREITOS AUTORAIS!!!! ouviram ??? DIREITOS AUTORAIS!!! E A BANDA É QUE FICA RESPONSÁVEL DE INSTALAR UM APARELHO PARA EMITIR UM SINAL PARA PROIBIR A GRAVAÇÃO!! OU SEJA... É uma ótima ferramenta para protejer o trabalho do artista que é responsável por grande parte da cultura.
@clovispedreira
OWNED! HAUHUAUAHA
Tiago C. Araújo
Hahahahahahahahhaa, usuário de APPLE é que nem mulher de malandro... Quando mais apanha mais gosta :D.
Anny
Não é como se isso fosse fazer qualquer diferença em relação à pirataria. Vejamos bem, eu tenho duas opções: Posso baixar uma gravação do show feita com um celular, cuja qualidade de som e imagem certamente vão estar ÓTIMAS, ou eu posso baixar a .iso do DVD/Blu-ray oficial ou mesmo um RIP dele. O que parece melhor?
Jairo
Mas tem gente lá em cima aqui mesmo nos comments.. que acha "escroto" você filmar ou fotografar um show ! "Grave" suas recordações no seu cérebro e se contente com isso ! Quando sair (se é que um dia vai sair alguma material gravado oficial) o material gravado oficialmente vc torna a comprar de novo , digo comprar de novo porque vc já pagou para assistir ao vivo...
Jairo
E paque caro porque ter um Apple é "cult" !
Jairo
Leva um Nokia N8 e grava tudo com ele !
Jairo
E eu pensando que "escroto" fosse outra coisa...
Exibir mais comentários