Início / Arquivos / Internet /

Google Brasil é condenado a pagar indenização R$ 30 mil para usuária do Orkut

Internauta teve perfil do Orkut hackeado, com nome alterado, em 2005.

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) condenou o Google do Brasil a pagar indenização no valor de R$ 30 mil para uma usuária do Orkut que teve a sua conta hackeada. O perfil de Viviane Thebas foi hackeado e modificado em 2005. Ela diz que tentou entrar em contato com o Google para que a empresa retirasse a página do ar, mas não obteve resposta.

Viviane afirma que o seu perfil no site de relacionamento foi acessado por outra pessoa, que mudou seu nome no Orkut. Além disso, a atividade da conta hackeada foi associada ofensas e vulgaridades, o que resultou na ação movida pela mulher.

Na decisão, a desembargadora relatora reduziu o valor da indenização. De início, Viviane tinha pedido R$ 50 mil do Google brasileiro para reparar os danos sofridos com o ocorrido. A desembargadora justificou a redução citando os princípios de razoabilidade e proporcionalidade, que são preceitos da justiça brasileira.

Em sua defesa, o Google Brasil disse que apenas hospeda as páginas, sem se responsabilizar pelo conteúdo do que é postado ou pelas atividades dos usuários. A desembargadora responde o Google dizendo, nos autos, que houve falha no dever de segurança dos serviços prestados e na cautela na contratação da rede social.

O TJ-RJ é o mesmo que proibiu a Americanas.com de vender produtos para o Rio de Janeiro enquanto não cumprir os prazos estabelecidos para as vendas já realizadas.