Carla Bruni: esposa de Sarkozy, modelo e cantora

Carla Bruni: modelo e cantora que ilustra esse post por ser esposa de Sarkozy

Em seu discurso durante a abertura do encontro dos países do G8 em Paris, na França, o presidente Nicolas Sarkozy levantou alguns questionamentos em relação a neutralidade na web e o impacto da rede sobre a produção de conteúdo protegido por direitos autorais.

Ao ser indagado por um jornalista norte-americano se aceitaria assinar um tratado se comprometendo a “não machucar a internet”, o presidente francês disse que “A revolução global que estamos vendo é pacífica e não acontece em campos de batalha, mas sim nas universidades” disse a uma plateia que era composta por famosos nomes do mundo da tecnologia, como Erich Schmidt (ex-CEO do Google), Jimmy Wales (guru-fundador da Wikipedia) e Mark Zuckerberg (do Facebook).

“Mas este mundo que vocês representam não é um universo paralelo em que regras legais e morais que regem nossa sociedade democrática não são aplicáveis”, completou. “A partir do momento em que a internet se tornou uma peça cotidiana da vida da maioria das pessoas, seria um contradição manter os governos longe deste imenso fórum” disse, finalizando defendendo que “controles sobre atividades ilegais na rede jamais poderiam ser considerados prejudiciais”.

Desde 2009 a França tem em vigor uma das leis anti pirataria mais rigorosas da Europa, em que os navegantes têm sua movimentação na rede constantemente moderada, à procura dos usuários que fazem downloads de arquivos ilegais de conteúdo protegido por direitos autorais.

Com informações: BBC

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Jairo
A realidade as vezes passa desapercebida...
jeka
apenas uma realidade.
@marcotube
poderia dizer que se fosse brasileiro Sarkozy seria do PMDB certamente
Bel Salles
Concordo. Já está até demorando isso. É cada "crime" que vemos acontecer na internet, que fora dela tá ficando aceitável certos tipos de atitudes.
Luke Gildenlöw
Só eu concordo que deveria ser a Anna Torv (Olivia de FRINGE) a ilustrar o post? [2]
Jairo
Seria um jogo de faz de conta ?
Alexandre
nao disse nenhuma bobagem. as pessoas ainda vao aprender como se portar na net, mas precisaria de uma maozinha da lei pra pegar enganadores e etc...
Carlos
É simples. Na internet os navegadores não se sentem presos por leis especificas. E isso é um dos grandes encantos da internet. Se a pirataria for muito punida. Já se preve o que vai acontecer mais cedo ou mais tarde. software open surce vai ficar tao bom, que ninguem vai pagar por um M$, apple etc... etc...
Jairo
João vc publicou um artigo aqui mesmo no TB-12/03/2010 "Lei dos três strikes não diminui pirataria na França", na ocasião seu texto mostrava que a pirataria por lá aumentava mesmo depois de um ano de vigência, e agora vc tem alguma nova estatística ? Essa lei mostrou alguma redução na pirataria por lá ? Visto que é uma das leis anti-pirataria da Europa mais rígidas fiquei curioso com o fato dela na época do seu artigo ter surtido efeito "contrário".. mesmo em países ricos e desenvolvidos como é o povo europeu.
marcoscs
Só não concordo quando voce diz que Sarkozy é um aprendiz de Le Pen. Não é, lhe falta 'estofo' pra isso. Sarkozy está mais para um 'surfista de poder', é alguem que não tem escrúpulos de mudar de pensamento conforme for a preferência popular e assim vai surfando de onda em onda desde que se mantenha na crista. Quando a sociedade tende a ser mais conservadora ele endurece o discurso, quando fica mais fraternal ele vira um defensor da liberdade. Enfim, é um camaleão, quase como um político brasileiro...
Ryo Hazuki
Eu só digo isso: Carla Bruni <3 Vai ser linda lá longe.
Guilherme Mac
Internet não deve ser terra-de-ninguém, e nem é, deve seguir normas como qualquer outro lugar. Mas não faz sentido uma regulamentação extrema já que não existe (e nem vai existir) uma legislação soberana internacional acima das de cada país. Se quer controlar, que faça cada país por si em seu território e prestando contas ao seu povo, ou seja, que fique mais ou menos como está. Só uma coisa que se deve lembrar. Sarkozy é um puro aprendiz de Le Pen. Falou que a escória da França são os imigrantes (principalmente os africanos), quer expulsar os estrangeiros com doenças crônicas da "terra da liberdade, igualdade e fraternidade" e persegue as islâmicas e suas burcas (diz q é pra protege-las, mas não perguntam suas opiniões). Em resumo, dá certo medo alguém como Sarkozy propor um controle.
Rodrigo Soncin
E pensar que o que o Sarkozy falou faz todo o sentido... Existe mesmo gente que quer transformar a Internet numa terra de ninguém e usa a defesa da liberdade com desculpa.