O movimento Jogo Justo, que almeja conseguir a redução de impostos para games vendidos no Brasil, vai promover no próximo final de semana o seu segundo Dia do Jogo Justo, mais especificamente no dia 21 de maio. Nesse dia, as lojas parceiras do movimento vão vender os games a preço de custo, sem lucro algum. A lista de games já foi divulgada essa semana pela organização do movimento e hoje eles liberaram a lista oficial de lojas participantes.

Dentre as lojas online que participam estão a Ponto Frio e Walmart, que foram as duas únicas que participaram no primeiro dia, e também estão estão incluídas as lojas Datishop e World Games. As lojas físicas que vão participar do segundo dia do Jogo Justo estão espalhadas por literalmente todo o Brasil, desde Maceió, no Alagoas, até Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Para ver a lista completa com todas as lojas participantes, clique aqui.

Incluídos na lista de jogos dessa vez estão Call Of Duty: Black Ops (para PS3 e Xbox 360), Marvel vs. Capcom 3 (para PS3), New Super Mario Bros (para Wii) e até Fallout New Vegas (para PS3 e Xbox 360). A lista completa com todos os títulos está disponível aqui e todos eles serão vendidos a R$ 99,00. De acordo com a organização, as lojas disponibilizaram mais de 54 mil peças de todos os games listados.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Diego Leão
Enganação das distribuidoras? Jogos custam menos de R$50!!? Vejam provas na imagem que obtivemos de um jogo original sendo vendido a R$ 50,00 (e não é importado!): http://www.gameblox.com.br/2011/05/projeto-jogo-justo-ja-venceu-e-nao-sabe/
Ryo
Olha, se esse post foi uma indireta pra mim, caro mancebo, só digo que compro apenas jogos originais e importados. Concordo com toda a causa pregada pelo "Jogo Justo", mas não acredito na boa intenção por trás disso tudo. Só isso! Fazer o que se a evolução me deu um cérebro feito pra pensar e pasmem...questionar as coisas! UoooW!
Fabiano
Não consigo compar no ponto frio e walmart, além de não terem anúncio nenhum sobre o projeto/promoção, quando vou comprar os jogos diz q foi retirado do carrinho por não estar disponível (ponto frio) e walmart nem se encontra o jogo.
Mozart
Discordo totalmente, as lojas têm um lucro enorme em cima disso ai.
@vinnylt27
Vamos fazer um calculo rapido. Jogando uma carga tributaria em torno de 70% (estou sendo bondoso) no valor convertido de R$ 93,5. 93,5 x 70% = 158,95 Já cai sua teoria, agora vamos considerar que uma loja não paga só imposto sobre jogos, ela também paga locação do ponto, funcionarios, contas de luz, água, etc. Meu amigo, ninguem é filantropo aqui, uma loja que está vendendo um game a R$ 200 ta fazendo MÁGICA para viver.
Turdin
steampowered.com =]
Marcelo Carvalho
Ah ta, esqueci de ver o site... Bom, se ''As lojas físicas que vão participar do segundo dia do Jogo Justo estão espalhadas por literalmente todo o Brasil'', então MANAUS não é do Brasil, acho que não sou mais um Brasileiro. :P
Marcelo Carvalho
Agora eu compro meu Black Ops. :P
John
Boa nada, e os jogos de PC?
Adriano
Um jogo (lançamento) vendido lá fora por uma loja normal, ou seja, já com os lucros embutidos, custa em torno de U$55, fazendo uma conversão simples dolar x real a 1.7 fica algo em torno de R$93.50, ou seja, abaixo dos R$99 que está sendo cobrado. Os impostos são altos sim, mas as lojas brasileiras metem a faca em cima dos lucros delas. Qualquer lançamento, mesmo com os impostos daria facilmente para ser vendido a R$150,00 (sim ainda é bastante caro), mas parece que há um complô entre estas lojas a vender qualquer lançamento por exatos R$200. Posso até estar errado mas acho que o alto preço dos jogos não são só culpa do governo, mas sim de ambos, governo e lojas.
@RodrigoKazuma
Cara, conheço e tenho o orgulho de dizer que sou amigo do cara que desencadeou todo o projeto, o Moacyr, mais conhecido no mundo dos games como Pc Engine Fan, estive na palestra que deu origem ao movimento, e assisti de camarote todo o início do projeto, e inclusive durante várias jogatinas na madrugada conversei com ele sobre o assunto que antes era só uma pequena idéia. Sabe Ryo, sinceramente não sei como o cara tem forças para continuar com o projeto, pois a quantidade de pessoas que apenas criticam e nunca fizeram nada para mudar é muito grande mesmo, diferente daqueles que estão para a ajudar que é muito pequena. Mas pensando bem, concordo com você, o cara é um oportunista mesmo. Pooo, como que o segundo maior maior colecionador de games do Brasil poderia continuar assim, ele certamente tinha que fazer tudo isto só para aparecer na mídia e mostrar que ele coleciona video games. Puta oportunista o cara. Agora falando sério, o cara começou o projeto buscando uma ajuda de algum político que tomasse a causa para levar a brasília, sabe o que os nossos deputados federais falaram?? Eles falaram que apresentariam o projeto sim, sem problema algum, bastaria que o caro Pc Engine Fan pagasse uma quantia básica que equivaleria alguns carros de luxo no Brasil. Legal né? Este é o campo de atuação que ele enfrentou no início. Até que conversando com pessoas do meio (colecionadores oportunistas, jogadores oportunistas, jornalistas oportunistas, desenvolvedores oportunistas, donos de fóruns oportunistas e lojistas oportunistas) resolveram criar um projeto mais concreto e viável que conseguisse de maneira objetiva reduzir a carga tributária dos games, só que perceberam novamente que não seria uma tarefa fácil. Assim, criaram o JogoJusto que depois deu origem a Associação que está trabalhando arduamente para conseguir concretizar o objetivo do projeto, e sabe, já conseguiram muitas coisas. A 1 ano atrás seria impossível pensar em comprar um game lançado a menos de 1 ano em lojas nacionais por R$39,00, como aconteceu com Bioshock 2 na walmart em dezembro. Claro que você e os outros vão falar que uma loja não representa nada, mas já é um começo. O projeto JogoJusto, é um projeto de longo prazo, mas só para mostrar, até o primeiro dia do jogojusto o governo não dava mínima para o projeto, com a venda de 5.000 jogos em um dia, o governo teve uma arrecadação muito grande e só isto já aumentou o interesso dele no projeto de modo que agora o segundo dia do jogojusto (que será uma semana de preços baixos para alguns jogos) o governo já irá acompanhar de perto toda a arrecadação e com isto, se tudo der certo, o governo verá que baixando a carga tributária, que reduzirá os jogos em consequência, ganhará mais dinheiro do que cobrando estas cargas altíssimas. Bom, já escrevi demais, mas não poderia deixar barato. Cansei de ficar vendo gente que não pesquisa o mínimo antes de julgar as coisas. Se a galera pesquisasse um pouquinho, veria que o Moacyr já está no meio dos games à décadas (literalmente) mas sempre como crítico em revistas de games, colecionador, mas principalmente como jogador. Cansei. Falou e daqui a um, dois ou três anos quando você for na loja e ver o PS4 ou o Xbox 720 por R$800,00 acompanhado de um grande lançamento por R$ 99,00 ou até menos, não se esqueça de lembrar que este preço só está lá por causa do grande oportunista que criou o jogojusto. Beleza? Abs.
@kety_mira
A Loja Action Game foi deixada fora da lista de lojas que venderão online, mas ela vai vender nos dias do jogo justo normalmente para todo o Brasil.
rafaelverolla
99 reais ainda acho caro, mas a culpa não é das lojas.
Humberto Mendes
Algumas pessoas estavam reclamando da lista porque eles já tinham a grande maioria dos jogos dela. Que bom que o Jogo Justo é um movimento para diminuir os impostos sobre videogame e não sobre clarividência.
j2k
"Incluídos na lista de jogos dessa vez estão Call Of Duty: Black Ops (para PS3 e Xbox 360), Marvel vs. Capcom 3 (para PS3), New Super Mario Bros (para Wii) e até Fallout New Vegas (para PS3 e Xbox 360)." Caramba, só top!! Certamente COD:BO e Marvel3 vão vender como água!!
Exibir mais comentários